A arte de bem (des)educar – Parte II

Duas semanas após o inicio das “hostilidades” educativas muito já se poderá escalpelizar, muito ja se poderá aferir e concluir, tal é a “bagunça” que se verifica. Os trabalhos caem em catadupa, aulas síncronas via “Microsoft Teams” que nuns casos arrasta-se ao sabor da velocidade da internet na casa de …

Ler Mais »