Sismo sentido nas ilhas do Faial, Pico, São Jorge e Terceira

O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) informa que às 11:47 (hora local = hora UTC-1), do dia 11 de janeiro foi registado um evento com magnitude 5,4 (Richter) e epicentro a cerca de 67 km a WNW de Capelo, ilha do Faial.

De acordo com a informação disponível até ao momento o sismo foi sentido com intensidade máxima IV/V (Escala de Mercalli Modificada) nas freguesias de Capelo, Castelo Branco, Praia do Norte e Feteira (concelho da Horta, ilha do Faial). O evento foi ainda sentido com as seguintes intensidades:
Ilha do Faial:
• IV nas freguesias de Cedros, Salão, Ribeirinha, Pedro Miguel, Praia do Almoxarife, Flamengos, Angústias, Matriz e Conceição (concelho de Horta);
Ilha do Pico:
• III/IV nas freguesias de Madalena, Bandeiras, Criação Velha, Candelária, São Mateus e São Caetano (concelho de Madalena);
• III/IV nas freguesias de Santa Luzia, Santo António, São Roque do Pico e Prainha (concelho de São Roque do Pico);
• III/IV nas freguesias de São João, Lajes do Pico e Ribeiras (concelho de Lajes do Pico);
Ilha de São Jorge:
• III/IV nas freguesias de Rosais, Velas e Manadas (concelho de Velas);
• III nas freguesias de Calheta e Ribeira Seca (concelho de Calheta);
Ilha Terceira:
• III nas freguesias de São Mateus, Sé e São Bento (concelho de Angra do Heroísmo);
• III nas freguesias de Vila Nova e Santa Cruz (concelho de Praia do Vitória).
O CIVISA continua a acompanhar o evoluir da situação.

Fonte: CIVISA

Ver também

Qual Constituição?!

Por Renato Moura Crescente fragilidade do Governo da República. Erros e omissões a agravar-se com consequente perda de confiança. A estratégia de defesa é o socorro a justificações e desculpas esfarrapadas, ou recurso ao ataque. Internamente o Governo desvalorizou o sarilho na escolha do procurador europeu. Para as instâncias europeias talvez nem bastem as explicações […] O conteúdo Qual Constituição?! aparece primeiro em Igreja Açores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *