Este mês, há facturas da EDA a chegar a casa dos açorianos com o dobro do valor a pagar

A situação passa-se para já em São Miguel e Terceira.
São dezenas de consumidores a denunciarem a situação.
Na reacção, a EDA avança que os açorianos podem ter mudado os hábitos de cosnumo.

“Foi um balde de água fria quando muitos açorianos leram este mês a factura da EDA.
Ainda sem esperarem resultados da entrada em vigor de algumas medidas anunciadas pela Empresa de Electricidade dos Açores, no âmbito da epidemia da Covid, o certo é que dezenas de açorianos foram apanhados de surpresa com os montantes a pagar.
São vários os exemplos denunciados à Antena 1 Açores.
Confrontada com esta situação, a EDA esclarece que não recebeu qualquer reclamação e avança que os consumidores poderão ter mudado os hábitos de consumo.
Ana Gonçalves, directora comercial da Eléctrica Açoriana, aproveita para anunciar que as facturas de Abril irão traduzir reduções para o sector doméstico.
A Empresa de Electricidade dos Açores aconselha os consumidores que receberam facturas com praticamente o dobro do montante a pagar, em comparação com meses anteriores, a contactarem os serviços da Empresa.” (CV)
https://www.rtp.pt/play/p1246/e467287/jornal-das-8-30

(a partir minuto 7’40)

Fonte: Antena 1/ Carmen Ventura

Ver também

Pandemia troca as voltas a jovens que ainda não conseguiram fazer o primeiro encontro do “Mês a mês até 23”

Primeiro encontro estava marcado para este sábado na ouvidoria das Flores As igrejas JMJ estão escolhidas e as equipas locais e diocesana também, mas a pandemia voltou a impedir a realização do primeiro encontro da iniciativa “Mês a mês até 23” previsto para hoje na igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, nas Flores. “Devido […] O conteúdo Pandemia troca as voltas a jovens que ainda não conseguiram fazer o primeiro encontro do “Mês a mês até 23” aparece primeiro em Igreja Açores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *