H2O DA ESMA VENCE I EDIÇÃO DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO JOVEM ESCOLAR

H2O DA ESMA VENCE I EDIÇÃO DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO JOVEM ESCOLAR

10 de Fevereiro, 2020 0 Por Azores Today

O projeto “H2O”, da autoria de Rita Gonçalves, da Escola Secundária Manuel de Arriaga foi o vencedor da I Edição do Orçamento Participativo Jovem Escolar, uma iniciativa que teve como objetivo contribuir para um modelo de governação mais dinâmico, garantindo uma política de proximidade que incentiva a participação cívica dos jovens da ilha do Faial.
Foram apresentadas 20 propostas que, depois da análise técnica, passaram 6 a projeto. Estes projetos estiveram em votação de 13 a 31 de janeiro na Escola Secundária Manuel de Arriaga e na Escola Profissional da Horta. Foram registados 280 votos, sendo que o projeto mais votado foi o H2O.
De acordo com a Vereadora Ester Pinto Pereira, “esta é mais uma iniciativa do município de participação cívica e ativa dos/das jovens, durante o qual puderam dar o seu contributo com as suas ideias, para as escolas e para o concelho, em geral, tendo em conta as diversas áreas de intervenção.
O projeto vencedor, orçado em 6721.74€, consiste na colocação de 4 bebedouros e na disponibilização de garrafas reutilizáveis aos alunos, tendo como objetivo a promoção do consumo da água como prática saudável e, simultaneamente, erradicar o uso das garrafas de plástico da Escola. No momento da sua implementação, será feita uma campanha de sensibilização junto da comunidade escolar para a importância de se beber água e para a importância de não se utilizarem plásticos.
Com uma dotação orçamental de 10.000 euros, o OPJE previa a apresentação de propostas, nas seguintes áreas de intervenção “Estilos de vida saudável”, “Diálogo Intergeracional”, “Sustentabilidade ambiental”, “Cultura e Tradições”, “Mobilidade e Voluntariado”, de acordo com o regulamento definido pelo Conselho Municipal para a Juventude, Ciência e Conhecimento do Município da Horta.
No final todos os participantes neste projeto receberam um prémio de reconhecimento por parte do Município.
Fonte: Município da Horta