O deputado do PSD/Açores, César Toste, enalteceu os milhares de voluntários que dão corpo e alma pela nossa cultura, "não os movendo o dinheiro, mas sim o bem-comum”, numa intervenção em que criticou “23 anos de exercício do PS no poder, sem justiça na atribuição de apoios oficiais, mas com gastos exorbitantes, derrapagens e má gestão na cultura”, disse.

Fonte: PSD Açores

Deixar uma resposta