Os dados são do INE e foram publicados ontem: quase 32% dos açorianos está no limiar da pobreza.

É um valor muito superior àquele que se verifica ao nível nacional. Quase 32% dos açorianos vive com rendimentos monetários líquidos inferiores a 500 euros por mês. A média do país, avança o Instituto Nacional de Estatística, está nos 17,2%.

É também na Região que o risco de exclusão social é maior e que os níveis de privação severa são mais elevados.

 

Fonte: RTP Açores (clique neste link para ver o video)

Deixar uma resposta