Por André Silveira

Eu vou votar na lista encabeçada pelo Eng.º Paulo Moniz do PSD Açores. Não o vou fazer por ser militante do PSD Açores, muito menos porque me identifico com a atual linha seguida nos Açores, mas sim porque, no meio de toda a instabilidade à volta do partido, e pela primeira vez em muitos anos, a lista é encabeçada por alguém com o perfil em que acredito e que defendo ser exatamente o necessário para quem quer e pode servir o bem comum sem amarras. O Eng.º Paulo Moniz é um profissional com uma carreira exemplar, com uma capacidade profissional amplamente reconhecida, não tem nada a provar na sua vida e não necessita da política para nada. São pessoas assim que queremos para nos governarem. Ao mesmo tempo, fico contente que o PSD Açores tenha, e tem muitas, pessoas com este gabarito nas suas fileiras sem ter de recorrer a independentes. Mais do que tudo vou votar numa pessoa em quem acredito.

O PS Açores está esgotado. Nada mais normal depois de quase um quarto de século no poder. A sua lista revela isso. Além de não haver uma única ideia nova, não há uma única cara nova. Um deserto de tudo onde até a renovação secou antes de vingar. Infelizmente as restantes listas são irrelevantes dado que, só por milagre, terão qualquer hipótese de eleger qualquer deputado, excetuando talvez o Bloco de Esquerda que se apresenta com uma escassíssima possibilidade de eleger o seu cabeça de lista. Esta é uma luta a dois dada a insignificância da nossa representação no principal órgão legislativo nacional.

A decisão domingo é até bastante fácil: mais do mesmo ou, apesar das circunstâncias conturbadas no seio do PSD Açores, existe uma vontade de mudança por parte dos Açorianos. Vontade essa que o próprio PSD Açores terá de aceitar com responsabilidade, e no pós-eleições apresentar um projeto credível, sério e com gente competente para que finalmente os Açores em 2020 dêem um passo decisivo rumo ao fim desta teia de interesses que têm roubado o progresso da nossa Região.

Votar no Domingo, mais do que ser importante para o país, é importante para os Açores e para os Açorianos. Não fiquem em casa. Votem!

André Silveira

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here