Assinado o auto de consignação da construção do Sistema de Abastecimento de Água da…

Assinado o auto de consignação da construção do Sistema de Abastecimento de Água da…

22 de Agosto, 2019 0 Por Azores Today

Assinado o auto de consignação da construção do Sistema de Abastecimento de Água da Ribeira de Água d’Alto – P.O.A. da Zona Central da Ilha de São Miguel

A sede da Cooperativa de Santo Antão, em Ponta Garça, recebeu na quinta-feira, 22 de agosto, a cerimónia de consignação da construção do Sistema de Abastecimento de Água da Ribeira de Água d’Alto – P.O.A da Zona Central da Ilha de São Miguel, um investimento de 1,3 milhões de euros que vai permitir disponibilizar 375 mil litros de água por dia a mais de 250 agricultores, numa área de cerca de 4 mil hectares.
Na ocasião, o Presidente do Governo Regional dos Açores, Dr. Vasco Cordeiro, considerou que a obra “é um exemplo de uma parceria” que se traduz em resultados concretos na vida das pessoas, neste caso dos agricultores que serão beneficiados.
“É um investimento que é um exemplo prático de uma cooperação e de uma parceria que dá resultados concretos para as pessoas”, afirmou, acrescentando que este tipo de obras não serve apenas a pecuária de leite, mas também outras atividades na área agrícola, como a horticultura ou a hortofruticultura.
Por sua vez, o Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca do Campo, Dr. Ricardo Rodrigues, afirmou que a parceria entre Autarquia e Executivo Regional é um exemplo de como a cooperação e a junção de esforços entre este tipo de entidades produzem resultados virtuosos.
O Autarca explicou que Vila Franca do Campo dispõe de uma grande quantidade de água que está a ser desperdiçada. “A Ribeira de Água d’Alto, onde se vai captar esta água, dispõe de um caudal de água de cerca de 4 mil metros cúbicos diários. Deste valor, serão retirados diariamente, um máximo de 1500 a 1600 metros cúbicos de água. Ou seja, Água d’Alto continuará a ter água na sua Ribeira, mesmo aproveitando-se parte deste recurso para o bem das populações e de um setor de atividade económica que bem precisa”, reiterou.
“A captação de água que se vai fazer resolve, de forma estrutural, o abastecimento de água à nossa lavoura e o desenvolvimento da pecuária e da agricultura na ilha de São Miguel carecia deste investimento”, frisou Ricardo Rodrigues.
O Presidente do Município quis também tranquilizar os habitantes de Água d’Alto, “porque este abastecimento de água à lavoura não irá prejudicar o caudal ecológico da ribeira. Estão garantidas as condições ecológicas e está garantido fornecimento de água aos lavradores, sendo este um bom exemplo, de uma boa gestão dos recursos de que dispomos em benefício das populações”, deu conta.
Antes, houve lugar uma explicação técnica da empreitada, pelo Presidente do Conselho de Administração da IROA, Dr. Ricardo Silva, e a leitura e assinatura do auto de consignação, com o representante da empresa que levará a cabo a empreitada.
GCCMVFC




























Fonte: Câmara Municipal de Vila Franca do Campo