Cirurgias

Compete ao Executivo promover as políticas necessárias para assegurar uma saúde eficaz e acessível a todos os cidadãos.
Nesta medida, a Secretaria responsável por esta área tem o dever de rentabilizar na íntegra as estruturas e meios humanos de que dispõe, com o objectivo de ultrapassar com a máxima eficácia, entre outras, a trágica lista de espera de cirurgias.
Uma das medidas que nos parece evidente para combater a dita lista, passa pela possibilidade dos Centros de Saúde de Ponta Delgada e Ribeira Grande realizarem pequenas cirurgias, dando, assim, resposta às situações mais prementes que se apresentam nestes dois concelhos, libertando o bloco operatório do nosso Hospital para uma melhor e mais eficiente programação cirúrgica, tal como defenderam muito recentemente todos os partidos da oposição na Assembleia Regional.
Não se mostrando sensível aos argumentos apresentados, que visavam mitigar o drama que afecta mais de dez mil açorianos, o PS votou contra tal opção, sem procurar, sequer, encontrar uma solução intermédia.
Preferiu o orgulhosamente só.

Pedro Nascimento Cabral

Ver também

Vitória açoriana

Por Renato Moura As estações de televisão têm deveres impostos pela lei. A RTP está vinculada a prestar um serviço público. Ao nível da informação deve ser rigorosa, isenta, independente, pluralista; uma referência em termos de qualidade, credibilidade e confiança. Quando tal não acontece, os portugueses têm o direito e o dever de o denunciar […] O conteúdo Vitória açoriana aparece primeiro em Igreja Açores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *