Os cremes açoreanos que Bella Hadid e Kim Kardashian usam

Os cremes açoreanos que Bella Hadid e Kim Kardashian usam

29 de Março, 2019 0 Por Azores Today

Em apenas um ano, a Ignae Skincare, marca de cremes nascida da combinação de ingredientes naturais dos Açores, conquistou o mundo, à boleia de rostos conhecidos. O criador, Miguel Pombo, explica o segredo do sucesso

Não prometem a eterna juventude, mas andam lá perto – e todos os seus componentes se encontram numa única ilha: São Miguel.

Os cremes Ignae Skincare, sem os quais Kim Kardashian e Bella Hadid já não passam, são uma criação de Miguel Pombo, micaelense de Lagoa, com 33 anos, que só depois de trabalhar na Bélgica “durante um ano, numa empresa com muitos clientes de cosmética, conhecendo ao detalhe os elementos usados pelas grandes marcas”, se apercebeu do potencial açoriano: “Havia tudo na minha ilha.” Assim, regressou a casa para se atirar ao projeto, já lá vão oito anos. A marca, contudo, só foi lançada em 2017, depois de um longo processo de pesquisas e testes.

O nome é inspirado na rocha ígnea, que se encontra sob o vulcão das Furnas e que, por ação do magma, aquece as águas termais do vizinho Parque Terra Nostra, uma das 30 nascentes existentes nesta localidade vulcânica. É rica em cálcio, magnésio, ferro e oligoelementos (elementos químicos inorgânicos que desempenham funções metabólicas no organismo, principalmente na formação de enzimas vitais para as células). “Quando estudámos as águas das Furnas, o principal objetivo era encontrar uma que, mais que hidratar, atenuasse a desidratação”, explicou Miguel à SÁBADO, incentivando-nos a molhar as mãos na nascente, a 40 graus, e a deixá-las secar naturalmente. “Ficam sedosas, não ficam?”, pergunta. Confirmamos.

As águas não são, porém, o único ingrediente dos cremes, vindo do Parque Terra Nostra. Também os óleos das camélias japónicas, “são componente essencial”, juntamente com veneno e mel das abelhas açorianas, argilas vulcânicas e colostro bovino, “o primeiro leite das vacas, depois de parir, elemento único com elevadas concentrações de imunoglobulinas e fatores de crescimento”: “Os animais vivem perto do mar e alimentam-se em pastagens com influência do Atlântico Norte, o que faz com que os seus sistemas imunitários sejam mais resistentes.”

A fórmula mágica chamou a atenção de Joanna Czech, uma das mais conceituadas especialistas em beleza nos Estados Unidos, a quem Miguel enviou a linha Ignae. Meses depois aplaudia os cremes dos Açores no seu Instagram e, por arrasto, chegaram aos rostos de Kim Kardashian e Bella Hadid, que também os recomendam.

Hoje os cremes Ignae estão disponíveis no site da marca, nos spas do Hotel Terra Nostra, em São Miguel, e do Ritz, em Lisboa, nas lojas Douglas e em algumas clínicas, e Miguel Pombo promete para breve novos produtos, que – quem sabe? – talvez levem caules triturados de inhames e criptomérias.

 

Fonte: Revista Sábado