CLÁSSICOS DE NATAL | Coliseu Micaelense Este concerto do grupo Coral de São José,…

CLÁSSICOS DE NATAL | Coliseu Micaelense Este concerto do grupo Coral de São José,…

5 Dezembro, 2018 0 Por Azores Today


CLÁSSICOS DE NATAL | Coliseu Micaelense

Este concerto do grupo Coral de São José, terá lugar no palco do Coliseu Micaelense, no próximo dia 9 de dezembro pelas 17H00 🎶🎷
Pode adquirir os seus bilhetes na bilheteria física do Coliseu Micaelense ou online, através deste link: https://bol.pt/Comprar/Pesquisa?q=Coliseu+Micaelense+

Entrada 🎫: 10 e 12€

Hoje damos a conhecer uma nota biográfica sobre o Coral de São José, promotor de mais um grande concerto de Natal.

BIOGRAFIA
O Grupo Coral de São José, então designado, foi constituído a 19 de Março de 1967 para abrilhantar as Eucaristias dominicais e outras solenidades na Igreja de São José. Quer por iniciativa própria, quer como convidado, o Grupo Coral de São José, desde logo, começou a destacar-se pelas inúmeras cantatas, recitais e concertos que efetuou na Região, no continente e nos EUA, sempre sem descurar o apoio aos atos litúrgicos.
Em 8 de Dezembro de 1996 constituiu-se Associação com estatutos próprios, passando a designar-se “Coral de São José – Associação Musical”.
Em Janeiro de 2000 teve o reconhecimento de “Associação de Utilidade Pública” e mais tarde recebe da Câmara Municipal de Ponta Delgada o “Diploma de Reconhecimento Municipal”.
Em Maio de 2008 – Dia da Região Autónoma dos Açores – o Coral de São José – Associação Musical foi distinguido com a “Insígnia Autonómica de Mérito Cívico” pelo Governo dos Açores.

Do seu vasto repertório destacam-se: “Misa Criolla” de A. Ramirez; “Missa Solene de Santa Cecília” de Gounod; “Stabat Mater” e “Petite Messe Solennelle”de Rossini; “Messias”de Haendel; “Requiem”,“As Vésperas Solenes do Confessor”,“Missa da Coroação” e a “Missa Brevis em Sol-Maior” de W. A. Mozart; “Requiem” de Verdi”; “Missa Brevis” e “Missa Katharina” de Jacob de Haan; “Missa em Dó Maior”, “Fantasia Coral, op. 80”, “Missa Solemnis, op. 123, e a “9ª Sinfonia”, de Ludwig van Beethoven; “Messa di Gloria” de Puccini;“A Criação” de J. Haydn; “Um Requiem Alemão, Op.45” (andamentos I e IV) de Johannes Brahms; “Inno a Maria Vergine” de F. Liszt; “Missa nº1-Fá Maior” de Santos Pinto, “Carmina Burana” de Carl Orff e “Te Deum” de Charpentier. No âmbito do festival “Música no Colégio” interpretou, em versão concerto, a ópera“The Pirates of Penzance” de Arthur Sullivan, libretto de W.S.Gilbert e a opereta açoriana “Água Corrente” de Henrique Vieira da Silva.

A longa carreira do Coral de São José permitiu-lhe privar com figuras de relevo do mundo musical erudito, quer nacional quer internacional, das quais destacamos os solistas Sandra Medeiros, Dora Rodrigues, Dulce Pontes, Ana Paula Russo, Elisabete Matos, Maria Luísa de Freitas, Susana Teixeira, Luís Rodrigues, Mário Alves, Paulo Ferreira, Sara Braga Simões, Rui Baeta, Fernando Guimarães, Carlos Guilherme, Kurt Spanier, Alicia Nafé, Mariana Leka, Karmen Chanev e os maestros Rui Massena, César Viana, Pearce de Azevedo, Walter Kobera e Adriano Martinolli D’Arcy.
Nas suas diversas atuações foi acompanhado pela Sinfonietta de Lisboa, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra Clássica da Madeira, Orquestra do Algarve, Orquestra Clássica Francisco de Lacerda, Banda Militar dos Açores e Sinfonietta de Ponta Delgada.
Em digressão, refira-se a deslocação aos EUA, à Madeira, às ilhas Terceira, Graciosa, Pico e Faial. Já no continente, em 2010, actuou na Casa da Música (Porto) com a Banda Militar do Porto, na Igreja da Lapa, na Sé no Porto e nos Jerónimos em Lisboa.
Desde 2012 o Coral de São José vem desenvolvendo um projeto inédito – “Música no Colégio”- único evento do género nos Açores que decorre no verão e ao ar livre, com noites temáticas de música nas suas diferentes expressões, bem como teatro e bailado.
Atualmente com cerca de 65 elementos, o Coral de São José – com meio século de vida – desenvolve três valências: Coro Sinfónico, Coro de Câmara e Coro Litúrgico a par da promoção de aulas de Formação Musical aos seus coralistas. Luís Filipe Carreiro é o seu Diretor Musical e Artístico.

Fonte: Coliseu Micaelense