CIDADE DE LAGOA RECEBE, PELA PRIMEIRA VEZ, AS V JORNADAS APAV A Associação Portuguesa…

CIDADE DE LAGOA RECEBE, PELA PRIMEIRA VEZ, AS V JORNADAS APAV A Associação Portuguesa…

15 de Novembro, 2018 0 Por Azores Today


CIDADE DE LAGOA RECEBE, PELA PRIMEIRA VEZ, AS V JORNADAS APAV

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima promove, hoje, as V Jornadas APAV Açores contra a Violência, que decorrem, pela primeira vez, na cidade de Lagoa, mais precisamente no Cine Teatro Lagoense Francisco D´Amaral Almeida.

As Jornadas APAV pretendem, através da discussão e reflexão sobre a temática do apoio à vitima de crime, que o estatuto de vitima de violência e crime seja plenamente reconhecido, valorizado e apoiado, tanto as vitimas, como as suas famílias e amigos através de ajuda gratuita, qualificada e confidencial.

No decorrer do dia, serão, assim, abordadas três áreas principais: Violência Filioparental, Apoio Online a Vítimas de Crime e Violência contra Pessoas com Deficiência Intelectual e/ou Multideficiência.

De referir que, a Câmara Municipal da Lagoa, durante este ano, desenvolveu uma parceria com a APAV, na implementação do projeto de apoio à vítima online através do Gabinete de Ação Social da autarquia. Uma medida inovadora que se encontra ainda numa fase embrionária, mas com grande potencial.

Aquando da cerimónia de abertura desta sessão, em representação da Câmara Municipal de Lagoa, o vereador Nelson Santos frisou que, “relativamente a este tipo de atendimento, tivemos a oportunidade de realizar apenas um, sendo que, já temos outra sessão agendada. O feedback do primeiro atendimento realizado via online foi bastante positivo, quer por parte da utente, quer por parte da técnica de apoio à vítima que o executou”, demais acrescentou que, “em termos de benefícios destaca-se que, financeiramente, este tipo de atendimento não acarretou qualquer gasto para a utente, uma vez que a mesma não teve de despender dinheiro em transportes para se deslocar ao local de atendimento”.

De relembrar que, o município da Lagoa está inscrito na Associação Nacional dos Municípios Portugueses desde 2015, como um município aderente à Rede de Apoio à Vítima de Violência Doméstica, no seu processo de autonomização, através das medidas de apoio desenvolvidas pelo Gabinete de Ação Social, como é exemplo o fundo de emergência social.

Nelson Santos reiterou ainda a colaboração e disponibilidade da Câmara Municipal de Lagoa na parceria com a APAV, que tem sido “de verdadeira cooperação e proximidade e com a clara convicção de que estas Jornadas contribuirão para o aperfeiçoamento das políticas públicas, sociais e privadas, centradas no estatuto da vítima, criando momentos de reflexão e de partilha de preocupações entre os parceiros e as instituições envolvidas, que diariamente lidam com esta dura realidade da violência, que infelizmente perdura nos nossos dias, na maioria das vezes, de forma silenciosa, escondida atrás do medo das suas vítimas”.

Fonte: Câmara Municipal de Lagoa – Açores