Luis Rego Junior aponta o dedo a Bernardo Sousa

Numa publicação na sua página oficial, Luis Rego Junior acusa Bernardo Sousa e Valter Cardoso de “não tiveram qualquer ação de aviso, como mandam os regulamentos, no sentido evitar o nosso acidente”.

Transcrevemos na integra a publicação de Luis Rego Junior:

O que aconteceu hoje no Rali do Pico?

No decorrer da PE8, Cabeço Chão / Alto do Barreiro 2 ocorreu um acidente com a equipa Bernardo Sousa / Valter Cardoso.

Na sequência desse acidente o carro ficou a impedir a passagem e foram projetadas para a estrada pedras de grande dimensão.

A zona em questão era extremamente rápida, feita em quinta velocidade e com nula visibilidade para o local onde o carro da Play Auto Açoreana ficou imobilizado.

Entrámos nesta parte do troço a velocidades aproximadas dos 160 km/h e com a quinta velocidade engrenada.

Nestas condições foi impossível evitar o embate na pedra que se encontrava na trajetória em virtude da saída do Bernardo.

Após o embate, notámos que Bernardo Sousa e Valter Cardoso se encontravam fora da sua viatura e a cerca de 50 metros de distância, no sentido do troço e não tiveram qualquer ação de aviso, como mandam os regulamentos, no sentido evitar o nosso acidente. Pela nossa parte, fizemos o que é correto. Eu fui mandar parar os irmãos Rodrigues e o Jorge foi para junto do Bernardo para acionar os meios de socorro.

Não conseguimos deixar de nos interrogar se os dois minutos que separavam as equipas nos troços não foram suficientes para tomar as ações que se exigiam. Posto isto e atendendo à elevada experiência do Bernardo e do Valter custa-me a entender a atitude que hoje tiveram connosco, pondo em risco a minha vida e a do Jorge Henriques.

A pedra em que embatemos acabou por ser nossa amiga. Nem quero imaginar o que teria sido um embate frontal contra o carro do Bernardo que nesta altura se encontrava a bloquear a estrada por completo. Acredito que hoje alguém olhou por nós.

E as consequências?

Fisicamente estamos bem. Fomos observados no Centro de Saúde e os TACs a que fomos submetidos não acusaram lesões.

Para já temos a viatura bastante danificada e neste momento nem sequer podemos garantir que possamos estar à partida no Lótus Rali.

A nossa luta pelo campeonato também sofreu um golpe considerável.

A terminar queria clarificar que fomos convocados pelo Colégio de Comissários Desportivos onde tivemos oportunidade de expor o sucedido. Aguardamos a decisão do Conselho de Disciplina da FPAK até porque achamos importante que seja salvaguardada a verdade desportiva e, sobretudo, que não sejam abertos precedentes relativos a incidências que afetam aquilo que é mais importante salvaguardar no desporto automóvel que é a segurança de todos nós.

Fonte: Luis Rego Junior

Ver também

O Presidente da Câmara da Povoação, acompanhado do Vereador da Cultura, foi tomar o…

O Presidente da Câmara da Povoação, acompanhado do Vereador da Cultura, foi tomar o…

O Presidente da Câmara da Povoação, acompanhado do Vereador da Cultura, foi tomar o pequeno almoço com as crianças da pré da escola da Lomba do Botão, no âmbito do projeto "Clube do Pequeno Almoço" implementado pela Equipa da Saúde Escolar, cuja a autarquia povoacense é parceira. Recorde-se que o "Clube do Pequeno Almoço" é…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *