Ponta Delgada é “pioneira e continuadora” dos Encontros Internacionais de Poesia

O Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada anunciou hoje, na Madeira, que a Região Autónoma dos Açores acolherá no próximo ano a terceira edição do Encontro Internacional de Poesia.
José Manuel Bolieiro presidiu à sessão de encerramento do segundo Encontro, realizado esta semana na ilha do Porto Santo, garantindo que Ponta Delgada voltará a organizar este evento internacional em outubro de 2019.
“Estou orgulhoso de ter Ponta Delgada como pioneira do Encontro Internacional de Poesia e assumo que a nossa ‘Cidade dos Poetas’ assegurará a sua organização bianual, alternadamente com os arquipélagos da Madeira e das Canárias”, afirmou o responsável autárquico.
Para o líder do maior município açoriano, “a sensação objectiva de sucesso, com a excelência dos poetas de diferentes geografias, reclama a continuidade e o alargamento desta que é uma boa ideia de Cultura”.
José Manuel Bolieiro aproveitou para “reconhecer e agradecer o contributo determinante do poeta madeirense João Carlos Abreu, a ‘alma mater’ desta iniciativa em Ponta Delgada e no Porto Santo”.
O primeiro Encontro Internacional de Poesia decorreu em outubro de 2017 na cidade de Ponta Delgada, com organização da Câmara Municipal, sendo dedicado à reflexão e debate sobre o tema genérico “A Condição de Ilhéu”.
As comunicações apresentadas em Ponta Delgada por duas dezenas de poetas dos Açores, Madeira, Canárias, Cabo Verde, Itália e Canadá ficaram reunidas num livro, coordenado por José Andrade, que foi agora lançado no encerramento do Encontro do Porto Santo.
Esta última sessão de trabalho do II Encontro Internacional de Poesia contou com a presença dos alunos da Escola Secundária do Porto Santo, aos quais José Manuel Bolieiro dedicou “uma palavra especial”.
“É mais importante ser e dar do que estar e ter, na convocação de uma nova cidadania para um futuro melhor”, considerou o presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada, concluindo que “só assim a própria poesia enaltece o ser humano e faz dele melhor pessoa”.
Os encontros internacionais de poesia de Ponta Delgada e do Porto Santo passaram agora a integrar o “World Poetry Movement”, uma associação de eventos literários alargada a cerca de 170 países que, desta forma, chega também a Portugal.

Img 8217Fonte: C. M. de Ponta Delgada

Ver também

Jornadas nacionais abordam “Ser catequista hoje: As dimensões da formação”

Jornadas nacionais abordam “Ser catequista hoje: As dimensões da formação” Out 23, 2018 | Manchete Grupo da diocese de Angra volta a ser numeroso com mais de centen..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *