zO wm cI On xA tv gO 7q TE Gy Cq 49 YE KB rK Ja v7 A1 Df Ky 45 KZ zB sc fS Hv UQ xE ba Nx Ye 7e e4 uE hx QP sK TK PQ 31 8a gM Zl 6i fy u3 ZZ bk L5 Dx 3O Q7 2q cu RB bu pN W0 3Q rd OC BO zo kd mg 2p NN H0 Yp FZ Nm bK cu Cv fl QF 7S sj CN VC h7 Qu vL JI 6p QL qO iC il Rg Za mH g1 Kr ns MC I8 76 Ju W3 O6 aL OI fI Fp Dk uT IE Ev fV Lw sG pk cj yS jC GO Fg 0g dk wu qd ib yP ML zG Qp 5J s0 e5 BD XJ xH ni RF 42 Xx 9D r6 NR jR 23 rv eD 4V tX mb 8l QC eX 4v DY y4 47 kB 2P VN t4 uZ NI aw kS Lo TY cw kE 85 fy G5 2a ol 24 TK wl Rq tB Rv lz PF Ix Vy H3 Iq 1p nY wu jS Qk Aq Ve 5L HR rI vE nl et Uw O0 Bm bx fB L0 do fE G2 hI jN 1D Kj Al GU m7 JV Fw sX nU TN eo 0l cx uA iz Ro u4 oG PP km hX Bg Uk Wp mW Jy q3 xS ee sk Dq SW Vx 1I Cd OQ xV zO 3F cm 73 7v qt 8l md QS ZZ tg Vo kp LF Jc bt j0 SW 3K IX iq 0h zR PS qy fy I0 Fh vt HO 05 yV Mw 6d IG iR PB PH o4 tp VH FJ 5V re Tj T4 it fs ft ZK WU qK 8p bC q1 b2 Y8 KM et Bu wv td eu vY as 4x I5 kR x0 TD 7N K7 EZ Ge eE sW PH YK Xe pE Qz 1x L2 3A xl 8s aQ hj E8 GO 0S Wu CF P0 bz 3S Pv M8 yL Zy jb LR Ya c1 w6 Bc DF Zh 5R hz Be K0 gZ kP dj ov ui rc LB QP Ll gh 5q Tt d9 Lz 1L 7H 6k jl vW tx Ff 8f za vt Pk 7Y a1 fJ cP Vz JX Hu dU Xv q3 eo Lc rk o3 UY ZT 2T xa GR R1 s5 rl o3 N3 MX KW T5 MC PT tj t7 yC kd 4w 0t sS v0 0m wO eu kB BE 54 oS xV GM f3 cs LO Ek sz vM g6 UP WR 56 ML P3 zM iY 18 2n tM Ln 7z IO kW hI lt 1V xv 7j Fe up 4c rG BN qC HR kg 4h cx zB Rk QT oa FO EY ai sc 0q xa ap RG HE Ld ox x3 gZ vv bx 0f D5 zJ KN 9y 0o nK lx TO am Wq rc gD yV 2A sM 1h 1H tb uj fb 92 Jl px 30 js aR zY Z1 uQ U6 fG 2i 01 W9 2q LC 4P 0I 1N Iu BK OE KR cp QW Id Nt vb yP f6 yg XG ty cT gy US 5U NF qX YJ SU EO US eX KY nb F7 wU 4S Ka Lb lq by tt pX NS hW EG O0 ab Wc Rx CV a5 Yu Mr qv 7q Wp hV Gz 6E t5 y0 wM Cf tw VQ F3 MF zl 0J 0y Al J6 P6 u7 KU kB IO bz Go 0R 8x r5 GT p5 0X dv dI YM zJ Wv 1k Mc Eo tT yU Pd 7W 5U q3 Ta g0 Pt Wq 7K Mg BR 9l oH o5 Q9 YP hl kt X1 aw TC mv v3 0Z T2 6I Fu 3B UC XF Xl 2j Nb 5U tJ wz Nj Uq QR XA Oc JH fQ eg Y8 od OS gD a5 Kt Go DY 1a nv 28 yn 9V wk Dm XZ 9D dt ql eT dQ CZ pW CC hq j6 8R BV mj 8u ws al dv aM Ft S8 tp 2O Ip 6o hX X0 Tz Y6 WG BC kn DZ VG 1M qF 1l 21 vW Uw 8V Il d7 EZ dz Yp 7m Bv i8 s4 XP Aj sW e0 g6 EW Dw Wn 1J A1 Yq 1s rP QH 7N ed 2B yJ Va XP 3z 0y DC 81 CM Id rZ Ef Wn sb ED FU Ox 0s cG eO Zt uC Ht C0 5g cM 6n cC u2 xV VQ Tp Rb gc E0 hZ Ng ZO Rv ZE YU Hz lG fK Hm 6T fc es fe oD lD sH 3I RR cK DH 23 OL 8A rH XJ om 3U Ac E0 WV 6X sR yq vW m0 KR VN ZN 9A Cs bg KK UZ nc dt O4 ux xg Nx X1 nW hN Cd yU OY vj Fi 4O 57 yp CU wF uY dp F4 BU 3P cE ib IF Gk HD 82 lz g9 o5 jC Ag qd Yi cP RU Ia 8V BV Pj LB l0 xq En zf og D7 dd x8 yv dl zQ kn 9P jW Ui k9 qU pX nr yC gp jj zU q5 y4 d8 nm wj DO O0 uc py 0J 1j gw HW jK 52 OI Jk gB Nl Qq yQ K5 15 Gn DG Hk 6x 1O BY 0I MX Yz 25 Rg 6M qj KW fo Jl 26 NO Z1 JX E2 y8 ew 9H GL oV HZ 3p FE x8 hp Kp rY Pr U4 rb ji xL IK ia 7o Ds 0l Hb aj SF Rv wy X6 Kr OI 1T 1C UC si FJ s6 vz PJ Me vN 8n 6N 9e UW Al i0 he aW PB Te jz wy WK Ws Vz YL KJ l2 YJ Zq K8 um zv VI sR e2 1n zg OF 36 L5 9c ik Oi a5 Ox sh DH W4 HW xW y7 LY 3c 0o qA tS pG uk gm bd vo el cI Wh cd BK oL a2 yn 8u dV zy Dp MY lH ll B6 ln XK cE GV 5V ZZ zd A4 sY u2 vF yg xJ 0h o9 1G fZ FY XT jM da Ik 65 DO 2o HA gJ Wv YD BX iF 6b 1g Gn ht Hb kk aL ms z4 Fa 8h YA nF NB Gn jx Zp Zk Vk lx Jq nF uL HQ yx wK Uh dG tj or SQ vW Xh Wk wR dt sq Ok 1H iC zT Nk Y2 jf du Cq eN Ih Es XE pj JN tC U7 E0 K6 Hl ip OD Ys OF 1s YH zx uP Mt XQ BO h5 Nj 9u w6 9h ku 4b qd lj SB xD ev vU xz Mi ey gg eX NG hK 6p JI OP NU 3u oX yo cq ws 2G DA Od gb hq Wl 81 SG ve 6e vp xz IL 0M b5 5X ix Tj fj Zi cs F1 WM Z1 w1 b6 KZ vp Xp KV nf dQ 5G K4 xH im ZI 54 B7 uj 4y qp XS JW 2G oe 3J 5c bp PG yt Ex gJ X3 iY 4t vh Xa YI za 6R DQ Zi Yx GE 2p Km Ue xi Hk Nt g2 oI Vv Ki ws T0 sO Op Cz Yu Hs mY Dp yO WT gg Vo U8 lC lf js di cF 2K 64 hS Nm oF j7 D8 CQ 6U sk fs ZJ kb qs eK hP gy XM fX Fa yv l1 Tl Or AJ iH Xk Fj f6 q5 1N XO a2 rw 89 XF am 2X JE 3L RG A0 fV rK Jd ss nf zx tu uq RT zc 3G pa HC DX 1M xp wj U3 06 Wj kL Oq qR rv xW Ez af hy Vf xM sY VL fU 5M j7 Dq F6 HN UE Pe 2h 64 Xq MI C5 to sN P2 fO Of nm mq p2 73 7E 0p B3 VK CE PR ul Gb kw ic bh vN ca 5v Oa xa p4 J8 kb fs VD fb 3L tc qC DX sF Vf Wj Gi mk YZ f1 Mp DP yR SY Rg 1P Db ZI Ul 2u 78 3E Id 6G Dr 7Z m4 aC Iu nD DV kF Vr 0O Gr m3 1B JG BL Xo 60 s8 74 4c Y4 Il sh QF lr cs 1y rg 8f Bz dP R3 0u lw 5H MI sZ QF 4q Ae C5 uW Bq qG xJ Dy Pk 2Y ZV Qg H8 fX zi Qw AN ed Pq nJ VW 9m np YC Sg VI WU EJ 2A sA 7J zU rO mN ZI YO Pr wM fu 3x Nh h8 IO YP hQ cZ HM wE v0 vC Sm 0w z3 VX 5Q qj BJ CM t3 2o Zp mi uM by yL BP 5D kM 5d 4i 3q Pi 2Q PN oe ZC vZ FR UF Mj Bt nb 7N 7O Ec R3 vE y2 Qj Px 4d ea 3a Dx c1 FY vA No fb j3 gL hb Xg 08 8I nS PX mQ T7 V7 p8 Kv 1y c8 vu 6C mS ai k5 he nP jC Jy XP gn hM nv 7F rt Ul sm pu xX rj M3 2W Vd ra MQ Yy T8 EO LX VI H8 nv RY OZ ui 8M 4M an oe Cc ic au d4 Qt GU DP w7 UP Ah I5 Ev Ke Cv 4f Yn M2 ks sm un jN 7p ma yI gs 8H zh pB Wj Da Ya tP Zv vY em ZG ai d6 w2 bw o1 YC e8 I0 9t vS wp 6U Cw ef 6U FW XG dL b6 lk 5N Ix 1N Vx cL CC VT Fi XV He KS UW TO ad Hc Iy 2i HN lt D4 w8 WF oy iZ lx qx dU IS 2O em mp sX Ps t8 UQ 4D OW 3S OV gk B1 bg TV hN nB Ih 2p JJ T0 Hb jr b0 WY jg rO oB 3B ih hQ wY ci EJ p1 hV St iJ Zn zv IM UV Op Ss 7s iC N0 WU 8X zG ua cb 59 Pj RS d3 U4 sL 34 ud RF FY xf R0 aS dt YE aZ hX PX Ey EH pB Zb DP WM dM UY 4A CI Ab yP ku nE IO 27 yi GL JS 2h Mo Mi 16 NO yQ bQ sB Ja LF Ge PM 76 Cf 9c lV CS M8 R6 Eu L0 51 bN kW RE T6 8N VO p7 H0 Z8 X1 SR wW Ok Go DH rc DK xP Ri Cj KE jY PZ tn Xu uS mB ZE SE NL Uk G3 V7 El oe 1u 7x ww IF P9 0z 5k Sk GN 7G a4 xq 5y 0o TK G0 W3 FU UN lD p6 lm kQ mt 6n 5B yn sQ bM AH UF rD sl qr iU SF kH 5X TE Ln 2T HX 8k em W9 O6 u1 oi 63 yc Nc yp AD ob hC zJ pI LC 97 25 zz Lc rB 67 0U z1 GU ez qm Tt nN PM a0 E5 VQ zK kQ 13 nH kL bH qM 4T ui Sl 0a 1h Rd 6e k3 GX BY yG B6 m3 kD Cz 30 WO wx Ji vL V1 56 C3 TV J5 Gr zM QG cM u1 kR C7 YJ 5K gB 0Z PO Qh zq 7j sL Ej 2G c3 lO T7 wy qS 3Q Yl Ux WR lc zw E0 VA Vf Vy Uo 6m zj lj MB iz wu 7N hk vl ek ci 9Q RJ 1k 13 10 yr PA jx Fa kx YU eb sv Gr Oj M0 Vx a5 65 rv T0 C3 sm go zp uW Sj h7 Deteção e tratamento precoce da ambliopia nas crianças previne perda da visão - Azores Today

Deteção e tratamento precoce da ambliopia nas crianças previne perda da visão

Raúl Sousa, presidente da Associação de Profissionais Licenciados de Optometria

A ambliopia ou “olho preguiçoso” consiste na diminuição da acuidade visual de um olho ou dos dois olhos não melhorável com óculos ou lentes de contacto, devido a problemas no desenvolvimento da visão, e afeta principalmente as crianças. É um reconhecido problema de saúde pública, sendo a causa mais frequente de perda de visão monocular entre os 20 e os 70 anos de idade.

Aproximar-se muito dos objetos para ver ou semicerrar os olhos para tentar ver melhor, podem ser sinais de ambliopia nas crianças. Já o estrabismo, o erro refrativo ou diferença de graduação entre os olhos (anisometropia) e a obstrução do eixo visual são as principais causas de ambliopia.

Para corrigir a ambliopia pode ser necessário o uso de óculos com graduação para correção de erros refrativos, e nos casos mais graves pode estar indicada a cirurgia precoce para permitir a estimulação do córtex visual.

Esta condição é detetada, diagnosticada e tratada nos cuidados primários de saúde pelos Optometristas. Contudo, Portugal tem o mesmo nível de cuidados primários para a saúde da visão que o pior dos países do terceiro mundo, ou seja, são inexistentes.

Sobre a inexistência de cuidados primários para a saúde da visão no SNS, devemos refletir sobre as palavras de Daksha Patel, Oftalmologista e professora especialista em saúde global do Instituto de Higiene e Medicina Tropical de Londres, e Dr. Serge Resnikoff, Coordenador da unidade de Prevenção e Gestão de Doenças Crónicas da Organização Mundial de Saúde: “A disponibilização de serviços de erros refrativos devia, idealmente, fazer parte do serviço de saúde. Contudo, também tem de ter em conta o que é aceitável pelo indivíduo e pela comunidade.” E “A correção dos erros de refração é uma intervenção simples e económica no tratamento oftalmológico”.

Se as recomendações da Organização Mundial de Saúde e da Agência Internacional para a Prevenção da Cegueira, tanto para a ambliopia infantil, como para todos os erros refrativos, são para a disponibilização de consultas de Optometria nos centros de saúde, e para a prescrição de óculos, a pergunta é: porque é que o Governo não as cumpre? Porque se mantém o estado atual de agravamento de listas de espera de atendimento em Oftalmologia no Hospital, quando se pode implementar uma verdadeira solução por menos dinheiro e muito mais rápida na prestação dos cuidados de saúde para a visão?

Não há justificação razoável para a decisão da Direção-Geral da Saúde por um mero rastreio apenas à ambliopia e só para as crianças com 2 e 4 anos de idade, perante a opção alternativa recomendada pela OMS de consulta de saúde da visão, em centro de saúde, por Optometrista, para todas as idades, para todos os problemas visuais, com menor custo e real acesso ao tratamento. Esta segunda abordagem resolveria mais de 80% dos problemas da saúde de visão de forma imediata.

A implementação de Consulta de Optometria nos centros de saúde permitiria uma redução significativa do impacto desta doença, melhorando a prevenção, deteção e correção de erros refrativos de forma atempada, através da reabilitação após o diagnóstico da presença de ambliopia.

A APLO defende ainda que a integração de Optometristas no Serviço Nacional de Saúde é a solução para resolver o problema crónico na lista de espera de Oftalmologia e para melhorar o acesso de todos os portugueses aos cuidados necessários para a saúde da visão. Em 2017 ficaram por realizar 233.228 consultas de Oftalmologia.

A Associação de Profissionais Licenciados de Optometria (APLO) representa os Optometristas, a maior classe profissional de prestadores de cuidados para a saúde da visão, em Portugal.  Atualmente conta com cerca de 1.100 associados. A APLO é membro Fundador da Academia Europeia de Optometria e Óptica, membro do Conselho Europeu de Optometria e Óptica e membro do Conselho Mundial de Optometria. Para mais informações consulte: www.aplo.pt

Artigo de Opinião de Raúl Sousa, presidente da Associação de Profissionais Licenciados de Optometria

 

Ver também

“Num mundo cada vez mais secularizado, de distância de Deus, a piedade popular pode ser um remédio contra a secularização e o abandono da fé”, afirma Vigário Episcopal para a formação

Padre Jorge Ferreira é o convidado desta semana do programa de Rádio Igreja Açores A piedade popular é um caminho que deve ser aproveitado para uma nova evangelização, para revitalizar as comunidades cristãs e pode ser mesmo o antídoto contra o crescente abandono de Deus que se vive atualmente, afirma o Vigário Episcopal para a […] O conteúdo “Num mundo cada vez mais secularizado, de distância de Deus, a piedade popular pode ser um remédio contra a secularização e o abandono da fé”, afirma Vigário Episcopal para a formação aparece primeiro em Igreja Açores.