CMH assina protocolo com Orquestra de Música Ligeira da Câmara Municipal da Horta

CMH assina protocolo com Orquestra de Música Ligeira da Câmara Municipal da Horta

“Temos muito orgulho na nossa Orquestra de Música Ligeira e queremos contribuir para que tenha a projeção que merece”, afirmou José Leonardo Silva na sequência da assinatura do protocolo de cooperação financeira que a autarquia faialense estabeleceu com a Orquestra.

O protocolo agora firmado estabelece um apoio de 12.300 euros à Orquestra de Música Ligeira da Câmara Municipal da Horta, com o grande objetivo de apostar na formação e de “ver a nossa orquestra a ter projeção a nível nacional. Como tal a formação é extremamente importante e a CMH quer ser um elemento potenciador disso mesmo”, diz José Leonardo Silva.

orquestra

José Leonardo Silva salientou ainda a importância que têm as entidades do associativismo cultural que desenvolvem atividades de mérito que contribuem para o desenvolvimento social e cultural, destacando a importância da atividade musical da Orquestra, enquanto instituição pertencente à CMH.

O presente protocolo tem por objeto a concretização do processo de cooperação entre a CMH e a Orquestra, para o desenvolvimento e melhoramento da atividade musical da Orquestra.

Esta Orquestra estreou-se a 28 de Dezembro de 1989 com um concerto na Sociedade Amor da Pátria, num Sarau Musical organizado pelo INATEL, sob a direção do maestro José Maria Dutra da Silva.

Ao longo destes 25 anos de existência muitas foram as atuações realizadas, tendo atuado em várias ilhas da Região, em Portugal Continental e nos Estados Unidos da América.

Composta por cerca de 20 músicos, provenientes das diferentes filarmónicas e agrupamentos musicais locais, desde 1990 que a Orquestra tem marcado presença assídua no encerramento da Semana do Mar.

Esta Orquestra de Música Ligeira tem desempenhado também um importante papel enquanto escola de formação, principalmente na área do jazz, constituindo um relevante património cultural do Concelho e dos Açores.

Fonte: C. M. de Horta