contador gratuito

Três pilotos ERC desistem durante as primeiras duas especiais açorianas

Um trio de pilotos desistiu do Azores Airlines Rallye depois de percorridos menos de 20 quilómetros da primeira prova do FIA ERC.

Tibor Érdi Jr. não foi mais longe do que a primeira prova, a super especial de Lagoa (2,14 km), ao romper a roda direita dianteira do seu Mitsubishi Lancer Evo X. Perplexo, Érdi não conseguiu explicar o que aconteceu, comentando que “não tinha tocado em nada” durante a curta SS.

A maior parte dos quilómetros desta quinta-feira saem da primeira passagem por Vila Franca/São Brás, sendo que os seus 17,08 km se revelam muito traiçoeiros para vários concorrentes.

Hermann Neubauer foi o primeiro a ser apanhado pelas especificidades deste troço, ao ser afetado pela ligeira chuva que, entretanto, começou a cair. Sendo o terceiro a sair para a estrada, despistou-se no final do troço, mas felizmente tanto ele como o seu copiloto, Bernhard Ettel, saíram ilesos do incidente.

Pierre-Louis Loubet saiu a seguir a Neubauer, mas também falhou a linha de chegada, já que o seu Hyundai i20 R5 (OSCARO – patrocinado pela BRC Racing Team) sofreu um problema técnico a meio do troço.

Outros nomes sonantes que quase caíram nesta desafiante segunda SS foram o atual campeão ERC U27 Chris Ingram, que esteve a centímetros de embater com o seu ŠKODA Fabia R5 (Toksport WRT) numa árvore, enquanto Alexey Lukyanuk perdeu tempo ao entrar para um pasto.

Fonte: Azores Airlines Rallye