Os empresários do Pico pediram à empresa para alugar um navio para substituir o encalhado Mestre Simão, mas a sugestão já foi descartado pelo presidente da Atlanticoline, Carlos Faias.

A empresa vai mandar construir um novo barco para substituir o navio que encalhou a 6 de janeiro.

As seguradoras consideram o Mestre Simão como irrecuperável e vão indemnizar a companhia de transportes marítimos.

 

Fonte (ver video clique no link): RTP Açores

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here