O repto para a instalação de unidades ao nível de freguesia para a proteção civil foi lançado pelo Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada e da Proteção Civil Municipal no encontro com os representantes das 24 Juntas do concelho, que decorreu ontem ao final do dia nos Arrifes.
“Temos um conjunto de instrumentos de planeamento e de estratégia que estão definidos. É preciso, agora, desenvolver esta cultura das existências junto das populações e, em particular, em cada uma das freguesias instalar as Unidades Locais de Proteção Civil”, apelou José Manuel Bolieiro, num discurso tranquilizador, mas também responsabilizador, atendendo a que a Proteção Civil “é uma tarefa de todos para todos”.
O Presidente, acompanhado pelo vice-presidente, Humberto Melo, mostrou-se satisfeito com o trabalho que tem sido desenvolvido pelo Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC), em alguns casos pioneiro a nível nacional, como é exemplo a criação da Rede Móvel Privativa de Ponta Delgada agora acessível a todas as Juntas de Freguesia do concelho.
A Câmara Municipal também dispõe, entre outros instrumentos de prevenção e resposta, de Plano de Emergência, Relatório de Vulnerabilidade do Edificado, Planeamento do Risco Sísmico, Carta de Riscos de Deslizamento de Massas e SMS Express. Ferramentas a que se juntam os rádios móveis atribuídos a todas as juntas de freguesia do concelho.
Na ocasião foi disponibilizado um dossier com o enquadramento legal e informações do SMPC, nomeadamente a sua missão e objetivos estratégicos, numa ação de sensibilização.
José Manuel Bolieiro procedeu, igualmente, à entrega dos diplomas de proteção civil aos membros da Unidade Local de Proteção Civil (ULPC) dos Arrifes que concluíram a sua formação. Os Arrifes são a primeira freguesia, e até agora a única, a instalar a ULPC no concelho composta por 12 elementos.
“Está na hora de passar da informação para os atos concretos, nomeadamente para a criação das Unidades Locais de Proteção Civil”, desafiou o Presidente, congratulando-se com a proatividade da Junta de Freguesia dos Arrifes, bem como a disponibilidade demonstrada em partilhar o seu conhecimento e experiência com as restantes freguesias do concelho de Ponta Delgada.

068a7798 press

Fonte: C. M. de Ponta Delgada

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here