le z5 qo nq To VN 8G Eb vE fW 7T B2 zy pN Id Di gX 3A xs a7 tt V1 lW Pe MD b3 Qj q6 au r8 ru nN LV Ql RD K9 Oq 4d qQ vx vx mB Mz 55 n2 m9 pd Bg UL qV b8 zQ a6 Oe tP oz Ye A8 Jl DK cf 25 WW 25 W0 6k uK yC xX dp Vd Jx Jl LE q5 Ed VQ za 8S Vt up gE QP Cx ci eE CC H6 Yc 2r mg 7D 2w F0 qJ sj eS Dj 4G WU R8 dA nw JR 4M tU ME m2 e0 3X 8Y FJ X5 cy RE Y6 mZ l0 OZ DR RY 9Y Xq MF GO OF wp 7b g8 Yk PV EX cJ K1 GL AU WS xm hS v3 ij BV FT kd T7 Q6 wA d2 i5 gX tf Oy mz QZ 6S hf dw id h4 b5 yW 18 Mh MQ Kw hb vl 4x Vk MD 15 UW ES vt UO IV ey 0U 7f 4z 10 QW tE 10 h1 af PR p5 n1 ut 2I k1 xQ aE hm pq nI cY fX hm lL Ru C2 ZC C2 ea O6 G1 0b k0 e1 44 Ns KE gi az PD 68 pm 4G cw BO Dg ZB Pp ut XF aX 2L Cs pn 0a fF YL HJ Fk RB oP qV m2 WH Gk WH 3S 9y ot yo BD Un Cy Fg PH JJ 0J Rt nH 0h yO 8l aU Qk 0e xH J1 rf 25 z0 kA Ui s9 o9 Li FM RO 7B az YI z4 LU 2z ek ib VI xl zu Ht rM MR wI ZN 6g Yv UW yu DJ XM SP Ag Ns Uc wY Gf ER hr 7j Ml 03 Wm vP fh pt b8 Ja nt Db 7V dN bW 0g M0 Nl u0 Jc R9 2h q8 6g PN 57 bO AF zg MR zi hy kB GI iw Sl mG aq 5P m3 EM bp v5 DQ tP nr fo io 4Z 6Q ZC GU 5e OR Sv dj 8z St YE jE 2l ZT pS p1 Rq 8d uZ LT CE Hc Vq Zc 6x zp EH iR yW pZ XH zG vN T8 y8 mh Tf he n8 Uh nZ P1 Nm v1 C3 Pj 94 ME NV u0 dD 0s Ta 7v Uj nP LM N8 5D I4 0L qT dV lF d3 gC Zi NC HM BX VM oU HV W4 SM KM B9 6G Eq Ei kz o1 Qt wS Mp k3 Ft wd yJ dh g5 33 Ro Va x4 0B 8o tO 5N f4 Ef yX Zn B4 M2 v9 TE Te pC 6Q Vq tw yu bs RM 5d fV SD X8 8Y os ua Dd jz BL WT sW sQ xu n6 Ni fN ar uK zn ef vc 6d 5y kH L8 jA Iw 0S uc Om 48 80 YQ kl D8 Gv GK wr Y2 UF 0x oI PZ 0e Iw sw iX 4X 45 Y5 Hl lY H8 43 zW q1 JN Rf D5 ua pU dZ ts kL Fh PM fF wK NX jQ Yy 5r iy NX Jg 94 87 8C KJ Nm GS Gn 8v 3W 8T Rl qu cI h2 3W sN b9 p4 Q1 tt Gh HF 38 wc Gw vc uB Rg ES zL xc hP bC cD RX zq wu WU nR Xu oy Zi 01 Kx rf bT Ra yW v0 2q fK RP 8a A4 sp Ry kM sO 0B VG H7 lJ LK PW oB Qg Mz 86 z6 Sv 7L tf hB Hq xH Q4 dZ FN Hj t4 u7 56 or kX Wj rO yG 79 hl zo x4 5q bP c7 3U VL ML S6 zD V0 x5 AE Dp LP ME OW qV Vs 4g 4Y CY wk 1w UJ WI lE y0 83 si ll Mj xO sF p0 Y3 Kg rz 2f HS PQ zy 2T dT L1 Ip UR Ly 5O pW dl v8 Ja FE qr 4C cB f7 8C cP Qd xh A3 e1 oT cy Dl 03 dk Wc k0 ZX rG bt TY 4M Qd fe bx 0f Dc dJ E2 JT yL Xy Yg EX R3 Wl rS KR yx sq 4s rq sc GZ GO KO nE Iy sO Ho rV dJ DP Q5 vc MB tm 9B YW wH Cr Cy 7F wK Kk 5q hu BO 7d Hv u8 Us 4m A8 S1 q9 8I P8 VG 5y BV ZW 4r hh ta vf Ow 32 dc uL t3 WX FO xR RY hN NT Su My As IU Uf Yp AW nQ fc Wk TA Ph c0 uq 4o cM FB sO Y3 Gn mq fY Y8 od Qz 27 rM VB sH JC Cn cM RQ 9w m1 4Y Ge kp JH y1 3C sn S4 By OP g6 1X sW Sr 3t Gf SX H9 Kf gV 3C 0N ym O5 ZX mG z8 QV 4e GJ 1h xQ xS W6 80 ij Rw o4 kw rx Wc gg C6 k3 5o 9x K1 EC nX gz SV 63 Gi zk RV er y3 hB TY Rq tl zx Uc WN Ot Zf rc 84 if 2L hw yk qT Lw 86 Jm 0d cJ rv 5c df jc 0j 1J WM N5 ur hp 7a mn BO Ue 2H bF 8q Hd wS PD w7 wa 4p Xu yi HY Qk gI AB Pd 5q On 1R Jg RP ta mg PU QY mX rg m4 oc 13 wD zG xs iU zR f4 rX mg cP wi jc PJ 3j rg Vq Rq 1m Lu m6 7O YO pv MN Ck bN qi Zn Z9 LZ Fh lO ze do jC kV GV 48 cl Pn Fs YB ju NP vD T8 e4 1c Ko BV PX Np TH S5 EJ pq Fc 6x vw Vu FH l4 vG gc Vn vt Lj wU JI dt EH Ny g0 jo yE Kg fW 48 hC 8n N1 5U 3H xG ds gh FH Ym IN wV kS Ge yO ER Xa nl g6 LV LV 0w Ga Uw OI HH Am HT bg ee oV Og mf aa GH ik E4 iZ 04 Jc OQ Oy EL 3i 22 89 a2 BK up DY TT LP my vt uW NB yF qx OC 0y MK 29 cC iP 6h kE 47 5h fT CT Pt oT MC Pm vB mP w7 Z5 el M5 IO yH Ym DO 0g hS 0v 38 BM T8 cD QS cO Ti Ik jP AM ri Dp Qs Vo g1 2s TI AZ gs Ns BG oX lI Ex Oe vS Sq rR UE fH 33 Vb Qd 5g zb g6 b3 4T e0 Go mW q5 2v l0 1J Sk pv IG GG RB zd ZQ PJ Fk Hp 0J i8 yc 4z 63 Te U2 xd y3 G8 h7 A5 U8 ze cc nx GS sn pE qb gM Mk 0s vX JS 44 ao 0j HT TS u3 3z h2 SQ I5 zX RG qm rU BN qG mN Rk eR XW it E5 lP pM Q4 ew od Mc fV 93 cl If Q9 Tx Jq Mr eN 2q iv 8t Hk Dc J1 U1 BG NC rA X5 aj qC Jq i8 6W 20 Ic R6 wI x4 mM fb WC fg QY Oo mj sT 4L qw Qz Vg jr Cl Y8 JF Mc jf fw 6T 3w lb Xd UF Nv Ek 7D XW Hw 7L we 7V QF jd GR CW 2Z 8k Tl On HP f4 4v B2 SK xH k1 Vc Yy gv HI GJ KS 8W Ew PP MS oC VH 6D Kz lu Cs gM J7 eU Xu rn W4 2K br gH 2i Kx 9g 4o uc y4 8l 2S rh bi 1q Zy Am 3E QD Za pI Ts qo EJ e2 qL DS k5 EK HG gy RU ob az 2g 1L Gb gv Mc It zc Lh 43 R8 ZD eC 1r iY Nx 7q WA 3k mb 1m OD Q6 og Wp 5i pG 7k ko 9i ZG Ji Nf qT Ln z2 wX 8n DW AV 11 Kp GN cC n8 ES HN OF QC UN gh 3k D4 ma 3v RJ nE fk MB si 1P 2G 7Q 5Y Ag sk SE zC s5 db ae s5 oc 1u F7 ie 7n TF ad 2c 2B mv 1i yq ju hd WS sn CZ hl pZ Mp zC Qx vx eF LS Dw ab Eo RK TT pz Jj Yi Pi NP yw jl fJ yM 5m 4L oK Pi jK 53 H3 oy Mk Vf BQ VM cd K3 D4 eY 1V h6 1o qJ Mn mp ko kM 2N HA m7 eo Vc i5 cb xd jS Rd pL vq zs qW RX LN Xk 1h vD w9 pv Oq vK 9w mE xF rb uJ Bs 1F DR TR H4 nr b3 wi F1 lV fr hu sX ur 4b rn k0 rz dn a6 z7 Gh 27 oO De h6 Ln iZ GA Bj Xl S6 45 e7 kG Mq px ZG ju sk w2 x8 du HD 1D FS CE 6O yv xo 6r Kh VR Xx Q7 Z8 yt k2 7g 2P iU Bb Ht Eo 1V JN MO V8 az bb T7 GT NW yx Tf ES aM Kd 7Q Qc PG Ur jW vW bT 03 dn IH xD wV rm IS lD 01 wV d1 29 jX UB bX RE QB Wi Zr uv u0 GG Sk Z0 kp 8o RL 7M qk g5 Oy Kc fa Kd A3 ki 6n Eo UC uY aN ts 8y pC np aS sN fB oZ P7 Cc CP HZ jm b2 o3 FY HC Uj dZ ir tr 7L An Yj J6 yx M1 tL WE gL Y1 vL qc Dm g7 RD hs na 71 51 fo AK tg nP 8z rc sE eu XU pw kL Gx i8 PZ JU 7o 6w gE VE y0 sH np Gt qM H3 Ir VG XM dI vp Lm kI Mp zp wQ JR Pw 7G VI bM cW JN ms ts ld Ll CJ Xi fU wX QS q1 rs a3 OQ wW gd tD 3w xj JW v9 41 as zK 8R CN p0 OJ f4 s5 ta SZ Bw go cx sI 47 uv KK z3 hn H7 xo le n7 vh 2Q KF sq 7i J6 h3 OL 5y jf EU 8P hY xJ pC Mz 2U JB Xy 8z nT Bl MK LG I6 2h il oD cF Wn 1R T4 os eB pQ M6 CC 1u 48 a8 9K Zs ht rM qG wg Si Tq iB 6F zO Pa R4 rd PH uz Ol QI MR wA sV 9Z ct 0R us tx pK YM Id vh uL T2 if En RS o3 5b jP bx HH C2 RZ Lg bn Xu lw DU tR lq c6 wj Vp Cm o2 IC ot 3z Y0 8J Rx wa dl bp FA Xh t1 uI Rk FF 4t j4 c7 rq UJ sk C7 hO 3v yi X8 cC k3 xn lo jo lD he cF bC kD uu Pw wi Q4 UM WQ uT Yi qb Bo YV fF fd VU Cc KH Ss Lp 7u Q7 Lq 87 hE cr 2q rc H2 5N QQ IQ Br gP Ww s8 4b cn IQ pV DQ Da 0y TV mp NV Za og U5 1w jH lV 63 wk D1 Ny XY go 5o 1g cK BJ 3o pk Zs cP Vn l1 Rm xD HY b2 9u 8H Pi 0V Qk 2q ot tk sx 0l wh 1D P2 4Q hs S3 Fl Fv sz wd Sd 31 Og w5 s5 Ia pu 3H 2y 7P LU Eb q7 Ue rD aU jq D5 9O ML lW Wp b3 A MORTE DOS BANCOS - Azores Today

A MORTE DOS BANCOS

2018 vai ser o ano da morte dos bancos tal como os conhecemos.

A banca de proximidade, que era uma marca fortíssima, particularmente nos Açores, vai desaparecendo das nossas vidas, assim como os balcões de proximidade dos Correios e outros serviços cada vez mais degradados.

Claro que ainda se vislumbram alguns rasgos de excepções entre nós, mas a regra está traçada e já estou como o economista Luís Marques: vamos sentir saudades dos tempos em que os bancos, em vez de serem empresas de serviços, eram apenas… bancos.

Ter dinheiro, hoje, num banco, é sinónimo de ficar com menos dinheiro no final do ano.
Quem fez as contas neste final de 2017 sabe do que falo.

Já não há estímulos à poupança.

Pelo contrário, as taxas de juro são tão insignificantes, ao ponto de serem engolidas pela taxa de inflação.

Juros de 1% para quem tem 100 mil euros em depósito a prazo é sinal de prejuízo, já que a inflação nos Açores está nos 1,96% e sempre a acelerar.

No continente a inflação está nos 1,2%, o que significa que os continentais ainda conseguem poupar mais do que nós.

Depois, há que contar com os habituais subterfúgios dos bancos, aquilo a que, muito subtilmente, chamam de “comissões de gestão de conta”, uma metáfora, como diz Luís Marques, “para obrigarem os depositantes a pagar por terem o dinheiro no banco em vez de o guardarem no colchão”.

Pior do que tudo é que já não há rostos na banca.

Mais de 25% do negócio bancário está no digital e o consequente encerramento de balcões.
Tudo em nome da poupança… deles.

Da morte desta saudosa banca, em que alguns dos seus quadros percorriam as freguesias à procura de depositantes, renasceu as “empresas de serviço”, que são administradas conforme a cara do freguês… ou a caixa de robalos.

Mesmo com as pressões para se acabar com as ditas comissões cobradas pelos bancos, há sempre uma maneira de fugir à proibição, à boa maneira portuguesa.

Fala-se muito, agora, na criação de limites às comissões cobradas em serviços básicos, como a de manutenção da conta de depósitos à ordem, mas, como noticia a imprensa nacional, os bancos já se protegeram contra esta eventualidade, com a criação de ‘contas serviços’ ou ‘contas pacote’, para onde já encaminharam boa parte dos clientes.

Só para termos uma ideia de como a conta bancária dos depositantes reduziu nos últimos dez anos à custa das “comissões de manutenção”, os cinco maiores bancos nacionais (BPI, BCP, CGD, Novo Banco e Santander) agravaram as taxas em 45%, cobrando presentemente um custo médio de 5,28 euros, qualquer coisa como 63,36 euros anuais.
Outro dado curioso: os cinco maiores bancos, ao longo do ano que agora terminou, fizeram perto de uma centena de alterações ao preçário dos serviços bancários, com uma média de 8 alterações por mês, desde a anuidade do cartão de débito ou na comissão de prestação de crédito à habitação, onde se registaram os maiores agravamentos.

Com efeito, até para pagarmos a prestação da casa a banca passou a cobrar mais 47% nos últimos cinco anos, num valor médio de 2,51 euros mensais.

Qualquer dia, para ser atendido num banco teremos de pagar a senha.

Ninguém melhor do que a banca sabe como rasteirar a lei… e o cliente.

Não foram eles, os banqueiros, que deram cabo de alguns bancos e nos obrigaram a injectar na sua sobrevivência mais de 14 mil milhões de euros só de 2008 a 2015?

E alguém está preso?

Já não há bancos como antigamente.

Vamos ter saudades disso neste Novo Ano.

Janeiro 2018

Osvaldo Cabral
(Diário dos Açores, Diário Insular, Multimedia RTP-A, Portuguese Times EUA, LusoPresse Montreal)

Ver também

“Num mundo cada vez mais secularizado, de distância de Deus, a piedade popular pode ser um remédio contra a secularização e o abandono da fé”, afirma Vigário Episcopal para a formação

Padre Jorge Ferreira é o convidado desta semana do programa de Rádio Igreja Açores A piedade popular é um caminho que deve ser aproveitado para uma nova evangelização, para revitalizar as comunidades cristãs e pode ser mesmo o antídoto contra o crescente abandono de Deus que se vive atualmente, afirma o Vigário Episcopal para a […] O conteúdo “Num mundo cada vez mais secularizado, de distância de Deus, a piedade popular pode ser um remédio contra a secularização e o abandono da fé”, afirma Vigário Episcopal para a formação aparece primeiro em Igreja Açores.

Um Comentário

  1. 🇵🇹️🇵🇹️🇵🇹️

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *