contador gratuito
Sexta-feira , 25 Maio 2018

PSD critica não reabertura da sala de pequena cirurgia na Ribeira Grande

O PSD/Ribeira Grande apresentou um voto de protesto pela não reabertura da sala de pequena cirurgia do Centro de Saúde da Ribeira Grande, missiva apresentada em assembleia municipal e aprovada por maioria, mas rejeitada pelos deputados municipais do PS.

O PSD local afirma que a prestação de cuidados de saúde no concelho da Ribeira Grande “ficou muito prejudicada pelas decisões dos governos socialistas que, de forma contínua, têm vindo a reduzir as valências do Centro de Saúde”, dizem em comunicado.

Aliás, o desinvestimento naquela unidade, “já se tinha visto quando o laboratório de análises clínicas foi transformado num posto de colheitas, quando se acabou com o atendimento noturno – a partir da meia noite – na Urgência, quando cessou a realização de ecografias e mamografias, ou quando acabou o funcionamento pleno do serviço de RX”, referem.

Sobre este último ponto, o PSD explica que, atualmente, a partir das 16 horas, em dias de semana, e durante todo o fim de semana, quem, mesmo em situação de urgência, necessitar de um simples RX tem que ser transferido para o Hospital de Ponta Delgada.

Os social democratas sublinham ainda que, no âmbito da discussão do Plano e Orçamento para 2018, o PSD apresentou na Assembleia Legislativa Regional uma proposta para que a sala de Pequena Cirurgia do Centro de Saúde da Ribeira Grande reabrisse – inscrevendo uma verba no Plano de 200 mil euros para voltar a assegurar aos cidadãos do concelho um serviço de proximidade e de qualidade.

“A medida, que iria por exemplo permitir aos utentes a retirada de um simples quisto, em vez da atual espera de meses numa lista de espera do Hospital de Ponta Delgada – que tinha, a 30 de outubro, 1235 cidadãos -, foi chumbada na Assembleia Regional pelos deputados do PS”, refere o comunicado do PSD da Ribeira Grande.

O PSD lamenta ainda o voto contra dos socialistas ao seu protesto na Assembleia Municipal: “O PS colocou os interesses partidários acima do superior interesse da população da Ribeira Grande. E frisou que não se podem exigir serviços de saúde que são próprios de um Hospital, revelando assim o quão distante se encontra da realidade e dos anseios do nosso concelho”, afirmam.

“A prestação de cuidados de saúde adequados e de forma atempada foi retirada à Ribeira Grande por interesses políticos e economicistas do Governo do PS, que não se preocupou com uma das suas obrigações mais básicas”, dizem ainda os social democratas.

O PSD da Ribeira Grande continuará a pugnar pela reposição das valências que foram retiradas ao Centro de Saúde da Ribeira Grande, assim como pela realização das obras necessárias para tal, não esquecendo a falta de profissionais de saúde, nomeadamente na área da enfermagem, o que vai impedindo, por exemplo, a plena utilização da sua Unidade de Cuidados Continuados.

Fonte: PSD Açores

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *