Presidente desafia Rancho da Casa do Povo do Livramento a criar evento folclórico internacional com o apoio da Câmara

O Presidente da Câmara de Ponta Delgada desafiou, sexta feira à noite, o Rancho Folclórico da Casa do Povo do Livramento, a avançar com um evento nacional e internacional na ilha de São Miguel, que terá o apoio da Autarquia. José Manuel Bolieiro falava na na cerimónia comemorativa dos 25 anos da instituição, que contou com a participação de largas dezenas de pessoas e decorreu na nova sede do Rancho aniversariante, o antigo cinema do Livramento, que a Câmara adquiriu precisamente com esse objetivo.
O desafio surgiu na sequência de várias intervenções que solicitaram o apoio da Autarquia no sentido de se avançar com um festival internacional de folclore na ilha de São Miguel. Desafio a que José Manuel Bolieiro acedeu, instigando o Rancho aniversariante a avançar com a iniciativa, que é possível concretizar com o apoio da nossa autarquia.
Reconhecendo o trabalho realizado pelo Rancho Folclórico da Casa do Povo do Livramento, uma “instituição que representa o valor de um povo”, o Presidente da Câmara manifestou orgulho em associar-se, em nome pessoal e institucional, à comemoração dos 25 anos deste rancho e à homenagem aos seus fundadores.
Deixou uma palavra de gratidão “pela persistência, pelo gesto cultural e pela educação e pedagogia deste rancho relativamente aos mais jovens” e, no final da sua intervenção, entregou, em nome do Município de Ponta Delgada, uma placa comemorativa dos 25 anos do Rancho Folclórico da Casa do Povo do Livramento.
Relativamente ao espaço, onde funcionava o antigo cinema do Livramento, propriedade da Autarquia, José Manuel Bolieiro afirmou que a cedência, por parte da Câmara, foi “um dever, o reconhecimento a uma grande instituição e a uma freguesia, uma obrigação”.
Entretanto, o Presidente da Junta do Livramento e do Rancho da Casa do Povo, Manuel António Soares, reconheceu o trabalho do fundador do Rancho, João Carlos da Ponte, e dos restantes membros fundadores, agradecendo à Câmara Municipal de Ponta Delgada, especialmente a José Manuel Bolieiro, o empenho na aquisição do espaço que hoje é a sede da instituição.
Disse mesmo que mesmo que “o nosso Presidente da Câmara, dr, José Manuel Bolieiro, é um Presidente exemplar, que sempre mostrou e continua a mostrar um particular interesse pela nossa cultura e pelas nossas tradições. Sem ele, não teria sido possível termos a nossa sede”.

25 anos rancho livramento

Fonte: C. M. de Ponta Delgada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *