Ponta Delgada mobiliza Associações Açorianas no Quebeque

As associações representativas da comunidade açoriana da província canadiana do Quebeque reuniram-se domingo, na cidade de Montreal, para receberem o presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada.
José Manuel Bolieiro aproveitou este encontro alargado, promovido pela Casa dos Açores do Quebeque, para esclarecer os açorianos residentes no Canadá sobre a nova realidade do concelho de Ponta Delgada.
“Tenho a missão democrática de governar Ponta Delgada, mas tenho também a missão diplomática de representar Ponta Delgada, pelo que venho aqui falar da nossa terra e garantir que têm uma porta amiga na Câmara Municipal para tudo o que estiver ao nosso alcance”, assegurou ou responsável político.
O líder do maior município açoriano disponibilizou os serviços camarários para “receber e apoiar possíveis intenções de investimento no concelho por parte dos nossos conterrâneos radicados neste outro lado do Atlântico”.
“Ponta Delgada deve aproveitar o prestígio e o sucesso da nossa diáspora”, defendeu José Manuel Bolieiro, porque “os Açores serão tanto maiores quanto mais valorizarem as comunidades emigradas”.
O presidente da Câmara Municipal manifestou-se disponível para colaborar com a Casa dos Açores do Quebeque na comemoração do 40º aniversário da sua fundação, que decorre em 2018, “como testemunho simbólico de respeito e admiração pela comunidade e pelas suas associações representativas”.
Para além dos sócios da Casa dos Açores, maioritariamente nascidos na ilha de S. Miguel, participaram também nesta receção de boas-vindas a José Manuel Bolieiro representantes da Missão de Santa Cruz, Associações do Divino Espírito Santo de Anjou e Hochelaga, Associação de Santa Teresa, Filarmónica do Espírito Santo de Laval, Associação de Nossa Senhora de Fátima, Círculo de Amigos de Rabo de Peixe e Associação de Pais de Montreal.
Antes do seu encontro com os representantes das instituições comunitárias, o presidente da Câmara Municipal reuniu com o Cônsul-geral de Portugal em Montreal, José Guedes de Sousa, e com o presidente da Casa dos Açores do Quebeque, Benjamim Moniz, participando ainda numa conferência de imprensa.
Em declarações à televisão Montreal Magazine, à Rádio Centreville e ao jornal Voz de Portugal, José Manuel Bolieiro insistiu na ideia de que Ponta Delgada “desenvolve uma política municipal que valoriza a diáspora não apenas pelo coração, mas também pela razão” e explicou que o serviço “PDL Total” da câmara municipal “disponibiliza informação concentrada para possíveis investidores, sejam residentes ou emigrantes”.
A visita de dois dias que o chefe do executivo camarário realizou à província do Quebeque terminou segunda-feira com os encontros de caráter político e económico que manteve com o presidente da Câmara Municipal de Anjou, Luís Miranda, e com o presidente da Caixa Portuguesa de Montreal, Emanuel Linhares.

Foto 1

Fonte: C. M. de Ponta Delgada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *