PSD/Açores propõe preço máximo de 90 euros nas ligações inter-ilhas

O presidente do PSD/Açores anunciou que o partido vai propor no Orçamento da Região para 2018 uma descida média de 25 por cento das passagens aéreas inter-ilhas, cujo preço máximo não poderá exceder os 90 euros.

“O PSD/Açores vai propor uma descida significativa do preço das passagens aéreas inter-ilhas. Pretendemos que seja fixado um preço máximo de 90 euros nos voos da SATA Air Açores”, afirmou Duarte Freitas, na abertura das jornadas parlamentares do partido, que decorrem em Ponta Delgada.

O líder dos social-democratas açorianos salientou que “estão reunidas todas as condições” para baixar o preço das passagens aéreas inter-ilhas, lembrando que o Estado, a partir de 2018, vai comparticipar as obrigações de serviço público na Região com uma verba superior a cinco milhões de euros.

“O Orçamento do Estado para 2018 prevê uma comparticipação ao governo regional de 5,6 milhões de euros para o serviço público de transporte aéreo inter-ilhas. Essa verba deve ser integralmente transferida para a SATA Air Açores, sendo uma parte usada para baixar os preços das passagens”, disse.

Duarte Freitas considerou “incompreensível” que, em muitos casos, seja “mais caro deslocar-se dentro da Região do que viajar para o continente”.

“Neste momento já se justifica, e é mais que justo, proceder a uma descida do tarifário da SATA Air Açores na mesma proporção em que foram reduzidos os preços das ligações com o exterior”.

Para o presidente do PSD/Açores, a mobilidade inter-ilhas “é fundamental para o desenvolvimento da nossa Região e para que tenhamos um verdadeiro mercado interno”.

“A redução dos preços nos voos inter-ilhas constitui um instrumento essencial para alcançar três grandes objetivos: a melhoria das condições de acessibilidade entre todas as ilhas; a criação de um verdadeiro mercado interno; estender a todas as ilhas os efeitos do crescimento da procura turística”, defendeu.

Duarte Freitas acrescentou que “o PSD/Açores sempre defendeu a descida significativa do preço das tarifas aéreas inter-ilhas por acreditar que esta traz benefícios aos açorianos”.

Segundo Duarte Freitas, a descida do preço das passagens aéreas inter-ilhas e a redução dos impostos preconizadas pelo PSD/Açores constituem “uma forma verdadeiramente sustentada de criação de emprego”.

Fonte: PSD Açores