Açorianos na Terra Santa recebidos pelo Bispo Marcuzzo no Patriarcado Latino de Jerusalém

Grupo realizou peregrinação entre 20 e 27 de outubro

Os cerca de 30 açorianos, maioritariamente de água de Pau, que peregrinaram até à Terra Santa, entre 20 e 27 de outubro, foram recebidos pelo Vigário Patriarcal de Jerusalém, informa uma nota enviada ao Sítio Igreja Açores.

D.Giacinto-Boulos Marcuzzo, fez um resumo da situação dos cristãos da Igreja Mãe de Jerusalém, afirmando “ que eles são o fio condutor que nos ligam à Comunidade Primitiva à qual também pertenceu Jesus e que precisam da solidariedade de todas as igrejas”.

“A Peregrinação foi um encontro de conversão, de devoção, com Cristo nos irmãos e com a Eucaristia. Como em todas as outras peregrinações que oriento à Terra Santa, tive como grandes objectivos:  rezar nos lugares santos com os peregrinos, aprofundar os conhecimentos bíblicos e fortalecer mais a nossa fé” refere o Pe. Jacinto Bento, guia desta peregrinação e o único guia português acreditado no Patriarcado Latino de Jerusalém.

Um grupo de 30 peregrinos, oriundos de Água de Pau (ilha de São Miguel), Ponta Delgada, Terceira, Califórnia e Canadá peregrinou à Terra Santa.

O grupo foi acompanhado pelo diretor do Serviço Diocesano da Mobilidade Humana, Pe. Jacinto Bento e teve como diretor espiritual o pároco de Água de Pau, Pe. João Furtado.

Tratou-se de uma iniciativa conjunta entre o Serviço Diocesano para a Mobilidade Humana em colaboração com a Paróquia de Água de Pau.

Esta Peregrinação além do circuto clássico habitual visitou Betânia e o Túmulo de Lázaro e teve esta audiência no Patriarcado  Latino de Jerusalém no  dia 25 de outubro, pelas 15h00,  “onde os peregrinos manifestaram a sua solidariedade com a Igreja Mãe de Jerusalém, como fazia São Paulo”, acrescenta a nota do sacerdote.

Fonte: Igreja Açores

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *