Ponta Delgada vai desenvolver estratégias para reduzir a quantidade de produção de resíduos através do projeto Urban Waste

Ponta Delgada vai desenvolver estratégias para reduzir a quantidade de produção de resíduos através do projeto Urban Waste

11 de Outubro, 2017 0 Por Azores Today

A vereadora Luísa Magalhães esteve presente, esta manhã, e em representação do Presidente da Câmara de Ponta Delgada, José Manuel Bolieiro, na sessão de abertura do projeto Urban Waste. A iniciativa surge no âmbito de uma colaboração entre a maior autarquia dos Açores e a Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia.
O Urban Waste tem como grandes objetivos desenvolver estratégias que visem reduzir a quantidade de produção de resíduos e definir estratégias urbanas com vista à gestão de resíduos em cidades turísticas.
Numa altura em que Ponta Delgada já anunciou que vai proceder ao alargamento do serviço de recolha porta a porta de plástico e metal na zona do centro, zona que até ao momento não disponha desse serviço, Luísa Magalhães considerou como importante a alteração do atual panorama, quer no que respeita à recolha de resíduos, quer através do incremento de apoios e incentivos à reutilização e reciclagem.
A partir do dia 25, nas ruas estreitas, e a partir do dia 26, nas ruas mais largas, o centro da cidade passa a dispor de um dia de recolha de embalagens de plástico e metal, dois dias de recolha de vidro de embalagem, seis dias de recolha de indiferenciados e seis dias de recolha de embalagens de papel. Serviço que será prestado no âmbito do sistema de recolha porta a porta. Os resíduos, devidamente acondicionados, deverão ser colocados no exterior das habitações às 20h00.
Essa alteração tem a ver com o facto da cidade ter cada vez mais estabelecimentos ligados à restauração e hotelaria, mas, também, com o assinalável aumento do turismo.
Neste sentido, a vereadora do Ambiente defendeu a necessidade de se “proceder a alterações no que diz respeito à recolha, distribuição e deposição de resíduos. Desta forma, podemos prevenir a produção de resíduos, nomeadamente ao nível da restauração e hotelaria.”
“Há já algum tempo que iniciámos a recolha de papel, vidro e óleos juntos desses estabelecimentos. Vamos passar a fazer o mesmo relativamente ao plástico” – disse, adiantando que se trata de mais um grande passo para manter a cidade limpa e incentivar à reciclagem junto da restauração.
Por outro lado, Luísa Magalhães destacou a colaboração com a Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia no Urban Waste. Na sessão de hoje, foram apresentadas, no âmbito do compromisso entre os parceiros, várias propostas estratégicas, três das quais foram aceites pela autarquia.
Em março de 2018, Ponta Delgada recebe todos os parceiros do projeto Urban Waste, durante o qual a câmara assinará o compromisso para levar a cabo os projetos selecionados.
“Vamos desenvolver estratégias de redução de lixo municipal, assim como o aumento de incentivos à sua reutilização, a promoção da reciclagem e incentivo à sua recolha, além da eliminação dos mesmos em cidades turísticas europeias.” – concluiu.

068a8277

Fonte: C. M. de Ponta Delgada