José Manuel Bolieiro afirmou, no sábado à noite, durante a sessão de apresentação da lista do PSD à Assembleia de Freguesia do Livramento, que não quer transformar a câmara de Ponta Delgada “numa sede de oposição” ou “numa estrada de continuidade” do Governo Regional.

O atual presidente da autarquia, e recandidato às eleições de 1 de outubro, referiu: “Nós somos autónomos no pensamento político e no que desenvolvemos para governar Ponta Delgada e os pontadelgadenses. Não somos por isso a voz do governo, não seremos também a voz da oposição, seremos a voz de Ponta Delgada”.

José Manuel Bolieiro destacou o “criterioso processo de governação” da Câmara Municipal de Ponta Delgada e distanciou-se dos resultados obtidos pelo Governo Regional dos Açores

Disse mesmo que, “ao contrário do que muitos dizem, para denegrir a nossa imagem, Ponta Delgada está sempre no primeiro lugar dos Açores e nos primeiros lugares de Portugal, nos rankings nacionais realizados por instituições independentes, objetivas.”Quem governa nos Açores não pode dizer que os Açores estão nos primeiros lugares dos rankings da economia e do desenvolvimento em Portugal e na Europa”.

Neste sentido, José Manuel Bolieiro disse: “isso faz toda a diferença: é que nós colocamos Ponta Delgada em primeiro lugar, os outros não foram capazes de colocar os Açores em primeiro lugar”.

E aproveitou a oportunidade para assumir o compromisso de continuar a dar “prioridade às pessoas”, não olhando a cores partidárias das 24 freguesias do concelho de Ponta Delgada.

Ler Mais em: PSD Açores

Deixar uma resposta