ùltimas Notícias

Bolieiro rejeita política do “bota abaixo”

José Manuel Bolieiro, atual presidente e recandidato à câmara municipal de Ponta Delgada, disse, sexta feira à noite nos Arrifes, que “a participação de cidadania faz-se com pessoas que usam o seu bom caráter para estar ao serviço das populações, apresentando-se para fazer mais e melhor e “não para estar contra ninguém, para fazer a fazer o “bota abaixo” dos outros”.

“Nós somos alternativas quando nos afirmamos pela positiva” – reforçou, durante a sessão de apresentação da lista de candidatos que o PSD apresenta aos Arrifes, a segunda maior freguesia dos Açores.

Pela primeira vez, os Arrifes têm uma mulher candidata à Junta de Freguesia, Goreti Freitas, o que, para José Manuel Bolieiro, “é uma aportação de cidadania, uma vantagem na mentalidade das comunidades através da política”.

Destacou o facto das candidatas que o PSD apresenta aos Ginetes, Márcia Diógenes Gonzaga, a São Vicente Ferreira, Noémia Ventura, e a Santa Bárbara, Marina Farias estarem sempre presentes, num gesto de solidariedade feminina, nas apresentações de cada um uma das candidaturas. Gestos que considerou como um acréscimo positivo à política.

“Esta paridade de homens e mulheres, cidadãos de igualdade e disponibilidade de participação, com inteligência de sensibilidade, que se comprometem e ajudam a fazer melhor a política ao serviço das pessoas e não a política de protagonismo” – acentuou.

José Manuel Bolieiro defendeu que o diálogo e a cooperação são essenciais na política de desenvolvimento das freguesias, dos concelhos, das ilhas e da região e disse que está na política para servir o povo e não os partidos políticos. O partido político é um instrumento para servir a democracia, servir o povo, servir o nosso desenvolvimento.

Sobre a candidata à Junta dos Arrifes, disse que Goreti Freitas fez um discurso com determinação, com conhecimento, mas, sobretudo, com uma vontade fazer mais e diferente, sem criticar quem está e fez o seu dever.

Goreti Freitas, disse, apresenta-se de forma positiva para, com dedicação e envolvimento da sua equipa, saber acrescentar mais ao que está feito. Isso honra-me, porque a política se credibiliza com pessoas assim. A sua lista é composta por pessoas que não têm, no combate eleitoral, um exercício do “bota abaixo”, mas sim um exercício intelectual de desenvolver, encontrar diferenças e acrescentar saber ao que existe. Essa é uma vantagem do desenvolvimento e do progresso das terras e das pessoas, da democracia e do pensamento”.

Goreti Freitas apresentou os seus compromissos para os Arrifes, em todas as áreas de desenvolvimento, e disse querer acrescentar valor e maior desenvolvimento à freguesia, em setores que complementam o trabalho já realizado e em cooperação com todas as entidades, incluindo a câmara de Ponta Delgada.

Assumiu o compromisso de, com a sua equipa, apostar em áreas por explorar nos Arrifes, como o turismo e a preservação do património, mas também defendeu um trabalho mais intensivo na causa social, numa época em que esta merece uma atenção redobrada.

Ler Mais em: PSD Açores

Ver também

Vasco Cordeiro incapaz de exigir à República que cumpra os seus compromissos

Mónica Seidi considera que a reação de Vasco Cordeiro à inexistência no Orçamento do Estado para 2018 de qualquer verba para a execução do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira (PREIT) con..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *