ùltimas Notícias

Jorge Jorge desafia autarquias do Pico, Faial e São Jorge a contribuírem para a Casa do Triângulo em São Miguel

Jorge Jorge, deputado do PSD/Açores eleito pelo Pico, desafiou os municípios do Faial, Pico e São Jorge a reconhecerem a importância da Casa do Triângulo em São Miguel e a contribuírem para a sua atividade através de protocolos a ser celebrados diretamente pelas autarquias e através da Associação de Municípios do Triângulo.

“A Casa do Triângulo em São Miguel faz um trabalho meritório no acolhimento gratuito aos acompanhantes dos doentes das ilhas do triângulo que se têm de deslocar ao Hospital de Ponta Delgada, em especial aos mais necessitados. As autarquias do Faial, Pico e São Jorge deviam contribuir mais para esta instituição”, defende o deputado social-democrata.

Jorge Jorge, que falava no final de uma reunião com a presidente da direção da Casa do Triângulo, Claudina Oliveira, na qual participou também a deputada do PSD/Açores Catarina Chamacame Furtado, salientou que “a Câmara Municipal da Madalena é a única que contribuiu diretamente para a atividade da instituição por via de um protocolo”.

“Lanço um apelo para que todas as câmaras tenham em atenção a importância do trabalho desta instituição, em especial no que diz respeito ao acolhimento de pessoas e de familiares de doentes e para que passem a estabelecer diretamente protocolos com a Casa do Triângulo, para além da Associação de Municípios do Triângulo”, explicou.

O parlamentar do PSD/Açores, que adiantou que se tornará sócio da Casa do Triângulo, apelou também aos habitantes do Faial, Pico e São Jorge a tornarem-se sócios da instituição e, deste modo, a contribuírem para um “trabalho a todos os títulos digno de louvor”.

O deputado social-democrata açoriano destacou ainda o trabalho da Casa do Triângulo na divulgação da cultura e tradições das ilhas do Triângulo não só em São Miguel, mas também nas comunidades açorianas, assumindo-se como um ponto de encontro em São Miguel de todos os que são provenientes do Faial, Pico e São Jorge.

Ler Mais em: PSD Açores

Ver também

Vasco Cordeiro incapaz de exigir à República que cumpra os seus compromissos

Mónica Seidi considera que a reação de Vasco Cordeiro à inexistência no Orçamento do Estado para 2018 de qualquer verba para a execução do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira (PREIT) con..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *