ùltimas Notícias

Cláudia Martins quer aposta concertada no Turismo

A candidata do PSD à presidência da Câmara Municipal da Praia da Vitória, defendeu, na apresentação da lista de candidatos à Assembleia de Freguesia da Agualva, que é necessário adotar uma estratégia de Turismo para o Concelho “que seja concertada, que valorize o potencial de cada uma das nossas freguesias, quer ao nível da promoção dos seus produtos, quer ao nível museológico. Que seja capaz de contar a sua história e que, ao nível da agenda cultural, valorize as suas festividades e não sobreponha iniciativas pelo Concelho”, afirmou.

Cláudia Martins falava sobre o potencial turístico da freguesia da Agualva, “que tem um enorme património cultural e edificado, como é o caso dos tradicionais moinhos de água, que se posicionam ao longo da principal ribeira da freguesia. São uma marca identitária da Agualva e é preciso preservá-la, assim como é necessário fazê-lo com o património que distingue e diferencia todas as outras freguesias do Concelho”, defendeu.

A candidata social-democrata comprometeu-se ainda com “a criação de trilhos pedestres, com acesso às belezas naturais de cada freguesia, a quem nos visita, e que venham incutir novos hábitos de vida saudáveis também aos locais. Sendo igualmente importante a manutenção de condições dos trilhos já existentes”, afirmou.

As declarações foram prestadas na freguesia da Agualva, onde o candidato à Assembleia de Freguesia, Hélio Rocha, com o lema “Renascer a Agualva”, afirmou que esse lema se associa à pretensão de recuperar, mediante recurso a fundos estruturais, e em estreita colaboração com pessoas e instituições da freguesia, muito do património e das atividades (ex. moagem, cultivo de frutas e hortícolas, cozinha e doçaria tradicionais) que, ao longo dos séculos, caracterizaram a Agualva.

Das suas propostas, destacam-se o compromisso para com o desenvolvimento da atividade agrícola – através, por exemplo, do alargamento de caminhos rurais, da melhoria das condições de piso de outros e da ampliação da rede de distribuição de água à lavoura -; a diversificação do tecido económico da freguesia – com aposta na produção de energia hidroelétrica, a criação de feiras locais, e o apoio à recuperação de património destinado a AL -; o enfoque na potencialização do Turismo na Agualva – criando um roteiro turístico, requalificando a “Zona de Lazer Norte da Agualva”, implantando novos trilhos, aplicando painéis informativos em zonas de interesse natural, recuperando património e atividades culturais -; o reforço do apoio social, com realce para a instituição de uma rede local de apoio a pessoas idosas e sós e, entre muitas outras medidas, a garantia da igualdade e de imparcialidade no tratamento de todos os seus concidadãos e instituições.

Ler Mais em: PSD Açores

Ver também

Vasco Cordeiro incapaz de exigir à República que cumpra os seus compromissos

Mónica Seidi considera que a reação de Vasco Cordeiro à inexistência no Orçamento do Estado para 2018 de qualquer verba para a execução do Plano de Revitalização Económica da Ilha Terceira (PREIT) con..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *