Distinção da Turisver é reconhecimento do trabalho efetuado entre entidades públicas e privadas no setor do Turismo, afirma Vítor Fraga

Distinção da Turisver é reconhecimento do trabalho efetuado entre entidades públicas e privadas no setor do Turismo, afirma Vítor Fraga

13 de Setembro, 2016 Não Por Azores Today

O Secretário Regional do Turismo e Transportes foi distinguido pela Revista Turisver pela dedicação e contributo ao desenvolvimento do turismo em Portugal, frisando que é o reconhecimento do trabalho conjunto entre entidades públicas e privadas realizado nos últimos anos.

“Mais do que o reconhecimento individual do trabalho desenvolvido, é sim o reconhecimento de todo o trabalho efetuado, em conjunto, entre entidades públicas e privadas ao longo dos últimos anos na perspetiva de consolidar e desenvolver o setor do turismo na Região”, afirmou Vítor Fraga.

O titular da pasta do Turismo falava segunda-feira, em Lisboa, à margem da cerimónia que assinalou o 30.º aniversário da Turisver, durante a qual recebeu a distinção das mãos do diretor da revista, José Luís Elias.

“Efetuámos um trabalho de reposicionamento do destino junto dos principais mercados emissores e efetuámos a maior reforma de sempre ao nível das acessibilidades e isso traduz-se, naturalmente, no bom desempenho do setor”, afirmou o Secretário Regional.

Nesse sentido, salientou que “o primeiro semestre de 2016 assume-se como o melhor primeiro semestre da história do turismo dos Açores, ultrapassando, e considerando todas as tipologias de alojamento, as 700 mil dormidas, mais precisamente atingindo as 788 mil dormidas, o que significa um crescimento, face ao primeiro semestre de 2015, que já havia sido o melhor primeiro semestre de sempre, de 195.013 dormidas, ou seja, mais 32%”.

Para Vítor Fraga, estes dados refletem, “acima de tudo, uma trajetória de consolidação do setor do turismo, fazendo com que se torne mais sustentável, quer do ponto de vista económico, para os vários agentes do setor, mas também do ponto de vista social, contribuindo para que se viva melhor nas ilhas dos Açores, e do ponto de vista ambiental, preservando todos os espaços que caraterizam a Região, com uma beleza ímpar, e utilizando-os de uma forma responsável, para os usufruir, não só pelos residentes mas também por todos aqueles que visitam” o arquipélago.
GaCS/HB