CASA DA CULTURA CARLOS CÉSAR RECEBE EXPOSIÇÃO EM HOMENAGEM AO ENGº. JOÃO LEITE DE BETTENCOURT

CASA DA CULTURA CARLOS CÉSAR RECEBE EXPOSIÇÃO EM HOMENAGEM AO ENGº. JOÃO LEITE DE BETTENCOURT

6 de Setembro, 2016 Não Por Azores Today

14203170_563815727155542_3021225061949485976_nA Casa da Cultura Carlos César inaugura a 24 de Setembro, pelas 17 horas, a exposição de homenagem intitulada “João Leite de Bettencourt: o homem, o autarca, o químico e o industrial”.

Eng.º João Leite de Bettencourt nasceu a 21 de agosto de 1916 na freguesia do Rosário, Lagoa. Em 1942 formou-se em Química Analista pelo Instituto Industrial de Lisboa, conhecido atualmente como Instituto Superior de Engenharia de Lisboa. Regressa a São Miguel e inicia a sua atividade profissional na Fábrica de Lacticínios Loreto. Ingressa em 1951 a União das Fábricas Açorianas do Álcool, passando a exercer funções de chefe de laboratório na Fábrica do Álcool de Lagoa. Ainda nos anos 50, integra o órgão executivo da Câmara Municipal de Lagoa como vice-presidente e em 1959 é designado presidente da autarquia realizando obras que contribuíram para o desenvolvimento económico e social do concelho. Tornou-se em 1964 o único proprietário da Fábrica de Cerâmica Leite, até então denominada Cerâmica Lima. Faleceu a 12 de março de 1973.

Para a presidente da autarquia, esta exposição, realizada no âmbito do centenário do seu nascimento, representa um tributo a uma personalidade lagoense que deixou um importante legado no panorama político, industrial e social do concelho. Pretendendo evocar o percurso de vida do engenheiro, o trajeto profissional e o seu papel como autarca, a exibição é constituída por vários painéis com cronologia, registos fotográficos, atas, sendo complementada com objetos pessoais, peças da Fábrica de Álcool da Lagoa e da Cerâmica Leite. Haverá igualmente uma projeção de vídeo com testemunhos de quem privou com o homenageado, abordando as diversas áreas.

A Casa da Cultura Carlos César constitui um espaço de excelência para a promoção cultural, tendo já acolhido diversas iniciativas de índole cultural, artística, educativa e formativa. Gerida pela Câmara Municipal de Lagoa, através da Área da Educação e da Cultura, ao longo de 2016 este espaço acolheu atividades formativas, com destaque para o curso de pintura ministrado por Victor Almeida, um de teatro a cargo de Nelson Cabral, bem como uma oficina de pintura em azulejo por Cristina Borges. Foram também realizadas diversas exposições, encontrando-se atualmente patente ao público, até 9 de setembro, duas exposições: uma de Teresa Canto Noronha e outra de Martim Cymbron.

De destacar o projeto de educação politica e para a cidadania que irá ter continuidade. Contou este ano com diversas palestras em diferentes áreas. Cristina Decq Mota, presidente da autarquia, falou sobre a questão de se ser presidente de Câmara na contemporaneidade. Rui Bettencourt sobre a participação na vida política, enquanto que Rui Goulart abordou as questões do jornalismo como liberdade de expressão.

Esta será a primeira exposição no espaço dedicada a homenagear uma individualidade ilustre do concelho de Lagoa.