LAGOA TEM CAPACIDADE PARA SE TRANSFORMAR NUMA SMART CITY A MÉDIO PRAZO

O auditório do Nonagon – Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel, situado no Tecnoparque, acolheu na passada sexta feira, o Fórum autárquico das RUP´S sobre a administração eletrónica, na cidade de Lagoa.
Cidade esta, que segundo a Presidente do Município, Cristina Calisto Decq Mota, tem trilhado um caminho no sentido de se afirmar, nomeadamente na vanguarda das novas tecnologias com a localização do Parque de Ciência e Tecnologia que confere ao concelho um estatuto singular no contexto tecnológico, podendo, a médio prazo, se transformar numa verdadeira smart city.
Aliás para Cristina Calisto Decq Mota, o Tecnoparque é um local de excelência para fixação de empresas de base tecnológica, em parceria de cooperação com o Nonagon – Parque Tecnológico de São Miguel, sendo o mesmo uma nova realidade de comércio e produção de tecnologias e métodos de investigação inovadores, modernização da estrutura económica local, e que possa assegurar que a Lagoa ganhe um novo ânimo em termos empresariais e venha a ser um polo importante do mundo do conhecimento, ciência e tecnologia.
Visto que o poder local tem de garantir a proximidade com os cidadãos, são novos desafios deste garantir que as organizações autárquicas sejam cada vez mais eficazes e eficientes. Sendo a Lagoa uma cidade em desenvolvimento (económico, social e cultural), o objetivo da jovem cidade, passa por incutir nos seus munícipes a procura de níveis elevados na qualidade de vida, exigindo mais informação, maior disponibilidade de serviços públicos e espaços que respondam às suas necessidades sociais, de lazer e culturais.
Neste sentido, o objetivo deste Fórum, também passou por posicionar a cidade da Lagoa como um município, atrativo, inovador e tecnológico, uma cidade em crescimento competitivo, com mais pessoas qualificadas, com mais e melhores condições de vida.

 

Fonte: Câmara Municipal de Lagoa – Açores

Ver também

Os nordestenses continuim a perder nesta luta, uma luta que não começarim e que vão pagando com a vida…

Os nordestenses continuim a perder nesta luta, uma luta que não começarim e que vão …