Ponta Delgada participou no Encontro da Rede Portuguesa das Cidades Educadoras

Ponta Delgada participou no Encontro da Rede Portuguesa das Cidades Educadoras

16 de Julho, 2015 Não Por Azores Today

11693856_979651952097220_4935836857339692917_nA Câmara de Ponta Delgada participou, pela primeira vez, no Encontro Nacional da Rede Portuguesa das Cidades Educadoras, que se realizou este mês em Braga e contou com a presença de um total de 55 representantes de 27 Municípios do continente e da Madeira.
Ponta Delgada é a primeira cidade dos Açores a integrar a Rede Portuguesa Cidades Educadoras, tendo sido representada pelo Vice-presidente da Autarquia, Fernando Marques Fernandes.
No encontro, o Vice-presidente da Câmara destacou a importância da integração na Rede Portuguesa das Cidades Educadoras, além do facto da Câmara Municipal de Ponta Delgada ser pioneira nos Açores nesta área.
Sublinhou a importância da partilha de informação entre os vários Municípios que integram a Rede Portuguesa das Cidades Educadoras e que tenham uma verdadeira “matriz educadora”, como é o caso de Ponta Delgada.
Fernando Marques Fernandes referiu, por outro lado, ser “motivo de congratulação” para a Câmara de Ponta Delgada integrar a Rede Portuguesa das Cidades Educadoras e participar no encontro acima referido.
“Esta é uma representação pioneira, uma vez que Ponta Delgada é a primeira cidade açoriana a estar representada neste encontro nacional. Aproveito para manifestar a total disponibilidade da Câmara Municipal de Ponta Delgada para colaborar em trabalhos futuros, aprender com todos e partilhar o nosso trabalho ao nível da Educação, uma das prioridades da nossa Autarquia” – sustentou.
O Encontro da Rede Portuguesa das Cidades Educadoras teve como pontos principais a apresentação da matriz/documento final “Contributos para a Construção de um Projeto Educativo Local de uma cidade Educadora”. Um documento produzido pelo Grupo de Trabalho Temático – PEL, constituído por um grupo restrito de seis municípios, iniciado em 2012 e que reflete um referencial teórico/prático para a construção de um PEL, assente na Carta de Princípios das Cidades Educadoras.
Foram ainda divulgados os pontos de situação dos outros dois Grupos de Trabalho Temáticos – Inclusão e Democracia e Participação.
Foi feita a atualização de informação sobre o VI Congresso Nacional das Cidades Educadoras – Almada, 11,12 e 13 de novembro de 2015.
Procedeu-se à aprovação das alterações aos Regimentos da Comissão de Coordenação e RTPCE, assim como do Regulamento do Boletim desta Rede, e foram dadas informações sobre o Comité Executivo e Assembleia Geral da AICE – Turim, março de 2015.
No encontro, foi ainda prestada informação sobre as novas adesões dos municípios portugueses, com declaração dos representantes dos municípios presentes, mais precisamente Ponta Delgada e Valongo.
Recorde-se que, recentemente, a Câmara de Ponta Delgada viu aprovada a sua Carta Educativa, o primeiro ato como uma cidade verdadeiramente educadora. Trata-se de um documento de extrema importância, por ser abrangente e permitir à Autarquia uma maior intervenção na área da Educação.
Ponta Delgada também já aderiu à Associação Internacional das Cidades Educadoras. Mais um importante passo para colocar a cidade e o concelho no topo do conhecimento do melhor que se faz no mundo ao nível da Educação.
Desta forma, a Câmara pretende ajudar a construir uma cidade ainda mais educadora. Este é um projeto pro ativo e um desafio, mas que se enquadra nas políticas educativas da Autarquia, uma vez que as mesmas avançam em todas as vertentes e sem exclusões.

Fonte: Câmara Municipal de Ponta Delgada